Espetáculo itinerante estreia no Jardim Veneza nesta terça-feira

Por - em 22

Uma sociedade onde a relação de poder é reproduzida nas relações de gênero. Esse é o pano de fundo do espetáculo itinerante ‘Marcas do dia-a-dia’, dirigido por Ângelo Guimarães. Na encenação, de forma lúdica, os atores esclarecem o espectador sobre o pacto nacional de enfrentamento da violência contra as mulheres. A primeira apresentação da peça será nesta terça-feira (27), a partir das 20h, na Escola Municipal Presidente João Pessoa, no bairro de Jardim Veneza. A iniciativa tem o patrocínio da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), por meio do Fundo Municipal de Cultura (FMC).

O espetáculo, realizado pela Cia de Teatro Soluar, relata o cotidiano de uma mulher cujo relacionamento amoroso é tranquilo no início. Porém, depois de um tempo, o comportamento agressivo do companheiro se torna um tormento diário. Cláudia, a personagem, é vítima de todos os tipos de violência do marido, que é alcoólatra. A esposa consegue a ajuda de uma amiga, que passa a motivá-la a denunciar.

‘Marcas do dia-a-dia’ vai circular em oito apresentações nos bairros e comunidades de João Pessoa. O objetivo do projeto é levar o teatro para novos espaços e informar a população sobre um tema de relevância social. As demais encenações acontecem nos seguintes dias e locais: 29 de abril, no Timbó (Bancários); 4 de maio, no Porto do Capim; 6 de maio, no Alto do Mateus; 11 de maio, no Conjunto Residencial Gervázio Maia; 13 de maio, na Citex (Geisel); 18 de maio, em Mandacaru; e 20 de maio, em Bela Vista (Cristo).

Confira a ficha técnica:

Texto: criação coletiva
Direção: Ângelo Guimarães
Elenco: Alexandra Oliveira, Aluisio Souza, Jamil Richene, Miguel dos Santos e Richelly Silva
Cenários, figurinos e adereços: Anderson Cambraia
Produção executiva: Jamil Richene
Arte visual: Auricelia Mendes
Preparação musical: Revinho François
Orientação de estudo: Sueldes Araújo
Realização: Cia de Teatro Soluar