Estação Cabo Branco exibe filme de Jean-Luc Godard nesta quinta

Por - em 27

O filme “Acossado”, do cineasta Jean-Luc Godard, é a atração do projeto ‘Cine Estação França’, realizado na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. A exibição acontece nesta quinta-feira (15), a partir das 19h, no auditório, com entrada franca. O projeto, que teve início no ano passado, é resultado de uma parceria entre a Estação Cabo Branco, Cinemateca da França e Aliança Francesa.

O Filme – Com direção de Jean-Luc Godard e duração de 80’, o filme é uma narrativa fragmentada que apresenta Michel Poiccard (Jean-Paul Belmondo), um típico ladrão parisiense e admirador de ator norte-americano Humprey Bogart. Ao longo da trama ele se envolve com a jovem americana Patrícia (Jean Seberg), que o ajudará a escapar da policia. “Acossado”é um filme de perseguição espirituoso, romântico e inovador, que abriu as portas para a nouvelle-vague.
O personagem de Michel (que adota o pseudônimo de Lazlo Kovacs durante parte da trama) usa chapéu, gravata, paletó e óculos escuros americanizados. Sem qualquer moral ou escrúpulo, ele sabe que vai morrer cedo. Por várias vezes Michel cita algumas frases-chaves: Viver Perigosamente até o Fim; Penso na morte não às vezes, mas o tempo todo. O jovem ladrão insiste em conquistar a jovem americana de apenas 20 anos.

Segundo alguns críticos, o filme é pouco mais do que um suceder de passeios em carros roubados, diálogos pretensiosos, cortes bruscos (um tabu na época, como se desse um pulo na imagem). Mas é preciso se transportar para o convencionalismo do Cinema dos anos 50 para entender como a fita podia ser libertária. Godard estava dizendo que tudo é permitido, é só fazer, romper, quebrar as regras. Ocasionalmente há cenas mais eficientes como a da morte de Belmondo – numa seqüência famosa em que ele sai cambaleando pela rua e antes de cair, faz algumas caretas para Jean. Também é forte a reação dela, olhando diretamente para a câmera, com um vago sorriso, repetindo o gesto de Bogart.

SERVIÇO:
Filme: ‘Acossado’ (França, 1960)
Dia: Quinta-feira (15)
Hora: 19h- Entrada aberta ao público
Local: Auditório da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Arte
Informações: 3214.8303/8270/Contato: 3222 6565/www.afjoaopessoa.com.br

ESTAÇÃO FRANÇA: PROGRAMAÇÃO DOS PRÓXIMOS FILMES

20/05/10 OS Guarda-chuvas do Amor/Lês Parapluies de Cherbourg (França/Alemanha.1964)
De Jacques Demy: Drama, Musical,/Romance em P & B
Duração: 91’
Geneviéve Emery, cuja mãe possui um comércio de guarda-chuvas, é uma adolescente de 17 anos que se vê obrigada a decidir entre esperar por seu amor, um mecânico de 20 anos que foi servir ao exército na Argélia, ou se casar com um comerciante de diamantes,que se propõe a criar seu bebê que ela espera como se fosse seu.

17/06/10 Meu tio da América/ Mon oncle d’amérique (França,1980)
De Alain Resnais
Drama em Cores
Duração: 1’25”.
O Titulo do filme faz alusão a um personagem obscuro. Não se sabe se ele está morto,rico ou miserável, numa América que jamais aparece.
Os labirintos aqui trilhados são os de textos científicos de Henri Laborit.

OS MODERNOS

15/07/10 Poderá Ser Amor?Je Crois Que Je I’Aime(França,2007)
De Pierre Jolivet
Duração: 90’
Lucas, 43 anos, um homem de negócios divorciado, sente-se irresistivelmente atraído por Elsa, 38 anos, uma ceramista sofisticada a quem encomendou uma decoração para a fachada do seu edifício de escritórios. Intrigado pelo fato da jovem e bela mulher se encontrar descomprometida, Lucas decide pedir ao detetive privado da sua empresa para investigar.

16/09/10 Missão Demissão/Violence dês échanges em milieu tempere(França,2004)
De Jean Marc Moutout
Comedia dramática em Cores
Duração: 99’
Philippe, 25 anos, chegado do interior para trabalhar em Paris em uma grande empresa de consultoria empresarial conhece Eva. Em sua primeira manhã de emprego,jovem mãe-solteira por quem sente-se atraído.
Sua primeira tarefa é preparar a compra, ainda confidencial, de uma fabrica por um grupo financeiro. Seus relatórios são convincentes o levando a ganhar a confiança do chefe que lhe confia uma nova responsabilidade,selecionar os que vão trabalhar na nova organização da empresa.

21/10/10 Wesh Wesh, o que foi?/ Wesh Wesh,qu’est-ce qui se passe?(França,2002)
De Robert Ameur-Zaimèche
Drama em Cores
Duração: 83’
Classificação etária: 14 anos
Após ter cumprido uma dupla sentença na prisão, Kamel volta para seu bairro, Cite de Bosquets,e com a ajuda de sua família tenta se reinserir na sociedade e no trabalho.

25/11/10 Barakat!França (2006)
De Djamila Sahraoui
Drama em cores
Duração: 94’
Amel é médica de emergência num hospital na Argélia. Ela se esforça. Na medida do possível, para conciliar sua profissão e sua juventude, apesar da guerra civil. Uma noite, voltando para casa, Amel contata que seu marido jornalista desapareceu e decide partir a sua procura. Vai acompanhada de Khadidja, uma enfermeira que, em sua juventude, ficou conhecida nos combates pela independência.