Estação Cabo Branco tem ‘Noche Flamenca’ neste sábado

Por - em 34

O grupo Pele Flamenca se apresenta neste sábado (17), a partir das 19h, no auditório da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. No espetáculo “Noche Flamenca na Estação Ciência”, o grupo mostra diferentes “palos”, como são chamados os ritmos do baile flamenco, arte originária do sul da Espanha. A apresentação é promovida pela Associação de Pais e Amigos Autistas da Paraíba (AMA/PB) e a entrada é aberta ao público.

Acompanham o grupo os músicos Cyran Costa e Sebastian Pitré e a dançarina Karina Leiro, de Recife (PE), que fará apresentações solo. O Pele Flamenca surgiu a partir do curso de flamenco ministrado pela dançarina Beatriz Betcher, desde 2006, e atualmente na Escola de Dança do Teatro Santa Roza.

O grupo participou de apresentações do Dia da Mulher e do Novembro da Dança, promovidos pela Prefeitura de João Pessoa; Dia da Hispanidade, no Instituto Cervantes de Recife, entre outras participações, como nas mostras da Escola de Dança do Teatro Santa Roza e do Teatro Paulo Pontes. Na Mostra de Talentos em Dança, em 2010, o Pele Flamenca ficou em 3º lugar.

AMA/PB – A Associação de Pais e Amigos Autistas da Paraíba é uma associação sem fins lucrativos, que tem como objetivo promover o desenvolvimento e a integração social das pessoas acometidas com a síndrome de autismo e oferecer à família do autista instrumentos para convivência no lar e em sociedade. Visa também promover e incentivar pesquisas sobre o autismo, difundindo o conhecimento acumulado.

A Associação foi fundada legalmente em 13 de abril de 2004 e iniciou suas atividades em março de 2005. Hoje, sua sede provisória está localizada na Rua Tabelião Ramalho Leite, nº 1840, Cabo Branco, onde também funciona o Núcleo Psicopedagógico Erllie Amorim.

SERVIÇO:

GRUPO PELE FLAMENCA

Espetáculo: NOCHE FLAMENCA NA ESTAÇÃO CIÊNCIA

Data: Sábado (17)

Hora: 19h

Local: Auditório da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, Avenida João Cirillo da Silva, Altiplano Cabo Branco.

Entrada aberta ao público