Estação de Serviços oferece ações de cidadania à população do Valentina

Por - em 30

“Eu vim aqui para ensinar as minhas duas filhas como é que se escova os dentes. A equipe de escovação ensinou direitinho como se faz e eu que também não sabia aprendi. Além disso, ganhei escova e pasta para as minhas meninas terem mais vontade de escovar os dentes”, revelou a dona-de-casa, Janaína Luiz da Silva, 23 anos, moradora da Comunidade Frei Damião, no bairro do Valentina Figueiredo, uma das beneficiadas no projeto ‘Estação de Serviços’, que nesta sexta-feira (30) ofereceu à população ações de cidadania.

No evento, que é realizado pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria do Desenvolvimento Social (Sedes), em uma parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) e Secretaria do Desenvolvimento Humano Estadual (SEDH), estavam envolvidos mais de 100 profissionais oferecendo serviços como retirada de documentos; prevenção à saúde; atendimentos e informações da Ouvidoria Municipal, Empreender – JP, Detran, STTrans, Procon – JP, Emlur, Centro de  Assistência às Vítimas de Violência (CEAV), Centro de Referencia da Assistência Social (Cras) e Centro de Referência da Cidadania do bairro; além de cortes de cabelo e instalação da Tenda Verde para distribuições de mudas de árvores.

Na parte de recreação foram realizadas competições de tênis de mesa, totó e xadrez. Já as atrações culturais ficaram por conta do grupo de capoeira local; trio pé-de-serra; e coral (formado por moradores do bairro).

A faxineira Marizete Batista Pereira, 35 anos, foi outra moradora da Comunidade Frei Damião que procurou a Estação de Serviços. Ela foi atendida pela equipe da Tenda Verde, da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semam). No local, além de ganhar mudas, ela recebeu orientações de plantio do auxiliar de jardinagem da Semam, Leonardo Souza, e também ficou sabendo qual o tipo de árvore era adequado para a sua moradia. “Eu estou fazendo um jardim na minha casa e peguei mudas de ipê de jardim. O rapaz me orientou que ela é boa, pois não cresce muito”, disse Marizete Bartista.

Quem também aproveitou as ações da Estação de Serviços foi a dona-de-casa Tatiana Patrícia, 21 anos, que levou o filho de 1 ano e 11 meses para cortar o cabelo. “Eu estou achando muito bom, pois estou economizando e o corte está ficando ótimo. Vou aproveitar outros serviços”, acrescentou.

Segundo a coordenadora da Estação de Serviços e diretora de Organização Comunitária e Participação Popular da Sedes, Marcela Arbia, a receptividade da população é sempre muito boa e só este ano mais de 20 comunidades já foram atendidas. “Ainda temos programadas para 2011 duas Estações em outubro, três em novembro e três no mês em dezembro. A próxima comunidade atendida será, dia 14 de outubro, a Comunidade São Luis, na 1ª Região Orçamentária”, contou Marcela Arbia, revelando que, em média, 500 atendimentos são feitos em cada evento.