Exposição ‘Prata da Casa’ pode ser visitada até dia 30 de junho

Por - em 30

A exposição ‘Prata da Casa’ está aberta à visitação pública até o próximo dia 30, no primeiro pavimento da Torre Mirante da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, localizada no Altiplano. A mostra tem entrada franca e pode ser conferida de terça a sexta-feira, das 9h às 21h, e sábados e domingos, das 10h às 21h.

A chefe do setor de gestão educacional da Estação Cabo Branco, a professora Cássia Freitas, disse que a exposição representa um marco na história das ações educacionais desenvolvidas na Casa. Desde a sua abertura, em março deste ano, até o dia 9 de junho passaram pela mostra coletiva cerca de 1.300 visitantes entre turistas e estudantes de escolas públicas e particulares.

A ‘Prata da Casa’ apresenta a história e produção do Setor de Gestão Educacional, desde a sua fundação em 2008, de maneira lúdica, artística e cultural, considerando as interfaces e parcerias constituídas ao longo de sua existência. A mostra conta com espaços interativos formados por oito oficinas artísticas e pedagógicas do Programa Ciranda Curricular da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), a exemplo de origami, contação de estórias, percussão, musicalização (violão e flauta), recreação, artesanato e danças populares.

No local estão expostas também experiências vinculadas às várias áreas de conhecimento apresentadas por monitores (estudantes da UFPB) que compõem a Monitoria da Casa, além de stands de setores da Gestão Municipal, que são considerados parceiros contínuos da Estação Cabo Branco, como a Semam, Emlur, STTrans Setur e Funjope.

“É uma transparente prestação de contas à comunidade, pois representamos interativamente nesta exposição os princípios que norteiam a nossa prática educativa, que podem ser traduzidos no ato compartilhado de educar, informar e incluir num espaço de transversalidade de múltiplos saberes e infinitas possibilidades”, acrescentou a
Na ‘Prata da Casa’ pode ser vista a produção pedagógica e cultural do Setor de Gestão Educacional para ampliação das perspectivas pedagógicas e de aprendizagem e conhecimentos, tais como a iniciação à informática e à robótica, planetário, roda de leitura e poesia, entre outros importantes instrumentos de mediação. Quem assina a curadoria desta mostra são as artistas plásticas Lúcia França (curadora geral) e Tamara Sorrentino (assistente), com o apoio de toda equipe gerencial da Estação Cabo Branco.

SERVIÇO:
Exposição Coletiva ‘Prata da Casa’
Até o dia 30 de junho
Local: Primeiro pavimento da Torre Mirante da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano
Visitação: Terça a sexta-feira das 9h às 21h
Sábados e domingos das 10h às 21h
Informações: 3214.8303 / 3214.8270