Exposição fotográfica revela que a Emlur faz mais que limpeza de JP

Por - em 51

Uma exposição fotográfica retrata o cotidiano do órgão responsável pela limpeza de João Pessoa, cujo trabalho vai bem além da higienização dos espaços públicos da cidade. A mostra foi aberta na manhã desta segunda-feira (1º de dezembro), no hall de entrada da Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur). Ao todo são 60 fotografias, que ficarão expostas até o final deste mês.

As fotografias retratam ações diversas desenvolvidas pela Emlur nos anos de 2007 e 2008. As imagens foram feitas pelo diretor de Operações da Autarquia, Orlando Soares, e pelo fotógrafo da Assessoria de Comunicação da Emlur, Carlos Arruda. A seleção das fotos e organização da exposição ficou por conta do Setor de Capacitação.

Orlando Soares sempre que sai a campo carrega uma maquina fotográfica. Pelas suas lentes foram registradas limpezas de canais e rios, serviços desenvolvidos em áreas de difícil acesso e situações inusitadas, a exemplo do trem passando no momento em que os agentes de limpeza trabalhavam na comunidade Beira da Linha.

Já as fotografias feitas pelo fotógrafo Carlos Arruda fazem parte do trabalho de cobertura das ações da Emlur, realizado diariamente pela Assessoria de Comunicação. Entre os momentos marcantes registrados pelo fotógrafo está a alegria e descontração dos servidores da Autarquia durante o desfile do ‘Bloco da Limpeza’, agremiação da Emlur que integra as prévias carnavalescas da Capital.

Arte do lixo –
As imagens revelam o trabalho de limpeza da cidade, ações de educação ambiental e fiscalização, além das atividades comemorativas e de valorização dos servidores desenvolvidas pela Emlur. Através das fotografias, os visitantes podem conhecer um pouco mais sobre a arte feita através do lixo, pelas mãos habilidosas dos artesões da Oficina de Artes; a produção do sabão ecológico, feito de óleo de cozinha usado; palestras educativas; e ações de limpeza realizadas nas mais diversas localidades da cidade, inclusive em pontos turísticos.

A superintendente da Emlur, Laura Farias Gualberto, revelou que a idéia de montar a exposição surgiu para mostrar um pouco do trabalho que é realizado pela Autarquia. “Não fazemos apenas a limpeza da cidade. Também desenvolvemos ações de educação ambiental, trabalhos de reaproveitamento de materiais, apresentações artísticas e atividades de valorização dos servidores. Enfim, essa exposição serve para mostrar um pouco das várias atividades que desenvolvemos todos os dias”, comentou.