Famílias de três acampamentos recebem prefeito da Capital

Por - em 31

O prefeito Ricardo Coutinho (PSB) visitou na tarde desta quarta-feira (12) as 72 famílias que residem nos acampamentos Pedro Teixeira, Margarida Maria Alves e Chico Mendes, localizados no Bairro das Indústrias. O prefeito foi conversar com as pessoas sobre o processo de transferência para o novo condomínio residencial Gervásio Maia, que acontece a partir desta sexta-feira (14).

Ricardo Coutinho falou da nova estrutura do local, que vai contar com saneamento básico, Unidade de Saúde da Família, escola com quadra poliesportiva e pavimentação. Para ele, o conjunto vai virar referência para a cidade não apenas por ser dotado de toda infra-estrutura urbana, mas também pela forma de convivência das pessoas, que serão estimuladas a uma ocupação cidadã do espaço. “É possível fazer habitação popular com dignidade”, ressaltou.

Os três acampamentos visitados pelo prefeito foram criados em 2002. A maior parte dos moradores sobrevive do trabalho informal. Segundo a moradora do acampamento Chico Mendes, Fátima Nunes, foram cinco anos de luta constante, tanto pela forma precária de habitação, como também pelo preconceito que sofriam por morarem na área. “Nós vamos realizar um sonho que achávamos que nunca seria real”, comentou.

Mudança – Mais de 50 caminhões a serviço da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) farão a mudança das 542 famílias que residem nos oito acampamentos urbanos e das 175 que moram nos cinco prédios ocupados por integrantes do Movimentos Nacional de Luta por Moradia (MNLM). Além deles, outras 25 famílias que perderam suas casas no período das chuvas e, desde então, estão morando em abrigos improvisados, também serão transferidas.

O novo conjunto habitacional abrigará ainda 42 famílias de diversos bairros da Capital que recebem o auxílio moradia e 122 que são cadastradas em outros programas sociais da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Cinquenta e três funcionários da Autarquia Municipal de Limpeza Urbana (Emlur), que não tinham moradia própria também irão para o novo condomínio.