Festival de Vídeo começa nesta quinta na Estação Cabo Branco

Por - em 37

Oficinas e mostras competitivas iniciam o 1º Festival de Vídeo Estação Cabo Branco nesta quinta-feira (8). O festival, que acontece até sábado (10) na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Arte, é uma realização da ‘Apalafa Produções’, em parceria com a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), Estação Cabo Branco e Fundação Cultural (Funjope).

O diretor do evento, Tiago Martins, considera que o festival é um sucesso. “Dos 40 vídeos inscritos foram selecionados 22 para concorrer aos prêmios da Mostra Competitiva. A alta qualidade dos vídeos concorrentes nos deixou muito satisfeitos e só colaborou para confirmar o que já sabíamos, que a Paraíba tem excelentes diretores e muita gente comprometida em fazer o melhor pelo audiovisual do Estado”, declarou.

O Festival de Vídeo Estação Cabo Branco surge como um importante espaço de fomento à produção audiovisual paraibana, objetivando, dessa forma, a valorização das produções e de seus realizadores, além da busca pela aproximação dos jovens das escolas da rede pública municipal a estas linguagens, tendo como finalidade despertar neste público o interesse por novas tecnologias, mídias e vídeos.

Premiação – Os prêmios serão atribuídos nas categorias documentário, ficção, experimental e animação. O primeiro colocado de cada categoria receberá o valor de R$ 1.500. Haverá ainda a instituição de dois prêmios especiais, sendo um concedido pelo júri do festival em menção honrosa e outro por votação popular. Os dois prêmios terão o valor de R$ 1.000, cada.

As tardes de quinta (8) e sexta-feira (9) serão dedicadas às Sessões Jovens e às oficinas. À noite haverá a Mostra Competitiva de curta-metragem. O festival será encerrado no sábado (10) com a premiação e os shows das bandas Dom Ângelo Jazz Combo (PE) e Blue Sheep (PB). A Mostra Competitiva e a Sessão Jovem ocorrerão dentro do cine-auditório da Estação Cabo Branco, que dispõe de 500 lugares. As oficinas serão realizadas em uma sala multimídia com capacidade para até 100 pessoas.

Serviço – A Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Arte, está localizada na avenida João Cirillo Silva, s/n, Altiplano. Mais informações com Tiago Martins Rêgo (Diretor Geral) – (81) 8835.8890 / (81) 3236.6894, Breno Martins Rêgo (Produtor Executivo) – (81) 8828.8827, ou pelos endereços eletrônicos festvideocabobranco@gmail.com e www.festvideocabobranco.com.br

Confira a programação completa

08 de abril (quinta-feira)

16h30 – Sessão Jovem (Exibição de curtas digitais)
18h30 – 1ª parte da Mostra Competitiva
‘N.E.G.O’ – Chico Sales e Mayk Nascimento – Experimental – 15 minutos – João Pessoa.
‘Depois daquela curva’ – Helton Paulino – Ficção – 18 minutos – Campina Grande.
‘Blackboard Fighter’ – Ian Costa – Animação – 1 minuto e meio – Campina Grande.
‘La traz da serra’ – Paulo Roberto – Documentário – 8 minutos – Nazarezinho
‘Sementes do Sol’ – Laurita Caldas e Elisa Cabral – Experimental – 5 minutos – Cabedelo.
‘Made in Taiwan’ – Daniel Araújo – Ficção – 6 minutos – João Pessoa.
20h – 2ª parte da Mostra Competitiva
‘Enquanto a justiça tarda’ – Fabiano Raposo – Documentário – 15 minutos – Campina Grande.
‘Duas vezes não se faz’ – Marcus Vilar – Documentário – 12 minutos – João Pessoa.
‘Éliaoff’ – Cecília Retamoza, Mariah Benaglia e Suellen Britto – EXP. – 03’ – João Pessoa.
‘Contadores de estórias’ – Durval Leal Filho – Documentário – 15 minutos – João Pessoa.
‘Alma’ – André Morais – Ficção – 10 minutos – João Pessoa.

09 de abril (sexta-feira)

16h30 – Sessão Jovem (Exibição de curtas digitais)
18h30 – 1ª parte da Mostra Competitiva
‘Estibordo’ – Marcelo Coutinho e Mariah Benaglia – Experimental – 8 minutos -João Pessoa.
‘Circular 1500’ – Chico Sales – Documentário – 16 minutos – João Pessoa.
‘Cânticos da criação e a cerâmica de Yukio Tsukada’ – Elisa Cabral e Laurita Caldas – Experimental – 5 minutos – Cabedelo.
‘Ninguém na cena do crime’ – Chico Dantas – Ficção – 3 minutos – João Pessoa.
‘Família Vidal’ – Diego Benevides – Documentário – 15 minutos – João Pessoa.
‘O Plano do cachorro’ – Arthur Lins e Ely Marques – Ficção – 10 minutos – João Pessoa.
20h – 2ª parte da Mostra Competitiva
‘Um fazedor de filmes’ – Arthur Lins e Ely Marques – Documentário – 20’ minutos – João Pessoa.
‘Fotomovie’ – Café Dias – Experimental – 2 minutos – João Pessoa.
‘Terra Erma’ – Helton Paulino – Ficção – 15 minutos – Campina Grande.
‘Eau de Toilette’ – Raquel Stanick – Experimental – 5 minutos – João Pessoa.
‘Lelê’ – Carlos Dowling e Shiko – Animação – 4 minutos – João Pessoa.

10 de abril (sábado)

18h – Premiação
19h – Show com Dom Ângelo Jazz Combo (PE) e Blue Sheep (PB).