Festival ‘Janeiro Arretado’ apresenta dois espetáculos de teatro infantil na Feirinha de Tambaú e no Gervásio Maia

Por Luiz Carlos Lima - em 199

O festival de teatro ‘Janeiro Arretado’ faz a segunda apresentação do mês neste sábado (12), em dois locais diferentes: na Feirinha de Tambaú, a partir das 17h e no Centro Cultural Adeilton Pereira Dias, no Gervasio Maia, também às 17h. As apresentações são gratuitas. O evento é realizado pelo Grupo Teatral Arretado Produções Artísticas em parceria com a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope). O evento acontece de 6 a 27 de janeiro, trazendo apresentações de teatro, dança, circo e shows musicais. Esta edição divide a programação entre apresentações gratuitas em praças e centros culturais de João Pessoa.

Na Feirinha de Tambaú o espetáculo que será apresentado é “Um concerto para dona baratinha”. Por falta de pretendentes, Dona Baratinha, resolve abrir na floresta a agência de matrimônio, ‘Barata é um Barato’, personagens folclóricos, moradores desta de floresta, resolvem participar desta entrevista de casamento, como, Mateus (Lenda do Boi Estrela), Curupira, Lobisomem, Lampião, Saci, Boto. Iara, Mula Sem Cabeça, Cuca e Boitatá irão ajudá-la de uma forma ou de outra, na escolha de seu futuro esposo.

Já no Centro Cultural Adeilton Pereira Dias o espetáculo ‘Serpa – Um menino catador de história’. Um menino, um pássaro e muitas histórias encantadoras, assim é espetáculo escrito e interpretado pelo ator Heráclito Cardoso, inspirado no conto “A Menina e o Pássaro Encantado”, de Rubem Alves. Rubem tem um pássaro encantado como seu melhor amigo e aprende com ele a arte de catar e contar histórias.

O festival – o ‘Janeiro Arretado’ é um festival de teatro não competitivo, que surgiu em 2012, realizado pelo Grupo Teatral Arretado Produções Artísticas O objetivo é mostrar e valorizar produções teatrais, formando e educando plateias, contribuindo assim para maior crescimento e visibilidade das artes cênicas em nosso estado.

São oito anos consecutivos voltados para o teatro da infância e adolescência, no mês de janeiro, nesta VIII Edição, continuamos descentralizando as apresentações, levaremos o Festival para nove locais, oferecendo ao público uma programação também gratuita, através da Funjope, em seus equipamentos culturais, proporcionando melhores possibilidades de entendimento artístico, em vários bairros da cidade para todas as idades e classes sociais. Os bairros contemplados serão: Centro, Varadouro, Bancários, Gervásio Maia, Mangabeira, Bessa, Tambaú e Tambauzinho.