Funjope divulga resultado de edital e anuncia teste de elenco da ‘Paixão’

Por - em 33

A Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) divulga o resultado do Edital de Encenação do projeto ‘Paixão de Cristo 2008’ e convoca atores e atrizes para a seleção do elenco. As inscrições e os testes acontecem no próximos sábado (8) e domingo (9), a partir das 8h, no Conventinho, localizado no Centro Histórico da Capital. Os profissionais interessados em participar da seleção devem se inscrever nos dois dias, das 8h às 8h30.

A proposta de encenação vencedora no edital foi elaborada pelos diretores Antonio Deol e Duílio Cunha. Eles criaram um processo cênico com dois enfoques. O primeiro sugere uma encenação épica-narrativa conduzida pela personagem de Maria, a Mãe de Jesus, que atua como a narradora e que estará à frente de um coro de mulheres. Já o segundo enfoque remonta essa história milenar através da técnica das formas animadas, que utiliza bonecos, sombras e adereços na composição de cada cena.

Inovação – Este ano, além da proposta descritiva, os candidatos tiveram a oportunidade de apresentar oralmente cada proposta, sendo a vencedora selecionada por uma Comissão Julgadora formada pelo professor de Artes Cênicas da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Arnaldo Siqueira, mais o professor de Direção Teatral, também da UFPE, Lúcio Lombardi, que há dez anos dirige a famosa ‘Paixão de Cristo’ de Nova Jerusalém, em Pernambuco, e a atriz paraibana Eleonora Montenegro.

Seleção de atores
– O processo de seleção para atores e atrizes acontece nos próximos dias 8 e 9, no Conventinho, sendo que entre 8h e 8h30 desses dias será feita a inscrição; logo em seguida acontecem os testes e o candidato ou candidata que chegar após o horário não poderá mais realizar a inscrição e, consequentemente, não fará os testes. O resultado será divulgado na próxima semana.

Os selecionados só estarão aptos a participar do espetáculo mediante apresentação do número de registro da DRT (cadastro na categoria de ator/atriz na Delegacia Regional do Trabalho). Já a seleção para as crianças que vão atuar na encenação vai ocorrer posteriormente, em data a ser divulgada pela Funjope.

Avaliação – Antonio Deol, um dos diretores da proposta vencedora, fala da importância do processo de encenação através de uma seleção pública. “O grande diferencial dessa iniciativa reside no fato de proporcionar um espaço democrático para que os diversos diretores possam mostrar seu ponto de vista para um único texto, possibilitando assim a abertura de um leque de possibilidades, tanto em relação à produção artística quanto no empreendimento de mais uma área de atuação cultural”.

Mais informações com Íris Paiva, pelo telefone 8894-7758.