Geração de emprego em janeiro foi maior que dezembro em JP

Por - em 32

João Pessoa gerou 510 postos de trabalho no mês de janeiro, 62,42% mais do que em dezembro. De acordo com o Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta quinta-feira (24) pelo Ministério do Trabalho, no mês passado, foram efetuadas 4.985 admissões no Estado e 4.475 demissões.

Entre os municípios do Estado com mais de 30 mil habitantes, a Capital continua sendo o líder em geração de empregos. O resultado obtido pelas empresas pessoenses é 50% maior do que o registrado em Campina Grande, segundo lugar no ranking.

O setor de serviços foi o que mais gerou empregos em janeiro. No total, as empresas desse segmento realizaram 1.853 admissões e 1.450 demissões, resultando em um saldo positivo de 403 novas vagas. Em segundo lugar ficou a construção civil, com 180 vagas, resultado da contratação de 1.318 trabalhadores e da demissão de 1.138.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Sustentável da Produção de João Pessoa, Raimundo Nunes Pereira, é necessário destacar que o Caged analisa apenas o setor formal da economia. “O mercado informal também vem sendo um importante gerador de empregos”.

Ele lembra que o Programa Municipal de Apoio aos Pequenos Negócios de João Pessoa (Empreender-JP) já investiu mais de R$ 20 milhões nos últimos cinco anos e meio e que vem trabalhando também com o incentivo à formalização dos pequenos estabelecimentos. “Para gerar mais empregos e garantir o fortalecimento dos diversos setores”.

Situação das cidades no mês de janeiro – 2011 (Fonte: Caged)

Cidades / postos de emprego

João Pessoa / 510
Campina Grande / 341
Cajazeiras / 43
Guarabira / 39
Bayeux / 29
Santa Rita / 27
Queimadas / 21
Solânea / 14
Cabedelo / 5
Pombal / 3
Mamanguape / 2
Sousa / -2
Patos / -16
Sape / -298

TOTAL / 718