Gervásio Maia recebe ações de limpeza e educação ambiental

Por - em 50

A Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur) está promovendo mais uma grande ação de limpeza na cidade de João Pessoa. O condomínio Gervásio Maia, que já é beneficiado com a coleta de lixo domiciliar durante a semana, está recebendo a visita de 100 servidores da Autarquia. Desde a manhã desta quarta-feira (1º), agentes de limpeza, fiscais e educadores ambientais estão concentrando seus esforços em serviços de varrição, visitas educativas porta a porta e fiscalização de terrenos baldios, para melhorar ainda mais a qualidade de vida da comunidade. A ação continuou na manhã desta quinta-feira (2).

A atividade teve início na Rua Joaquim Monteiro da Franca, em frente à Unidade de Saúde da Família do bairro, com 60 agentes de limpeza trabalhando na varrição das ruas, capinagem, roço e pintura dos meio-fios. Enquanto isso, 30 fiscais da Autarquia e 10 educadores ambientais visitaram as residências do condomínio, conversando com a população e distribuindo panfletos informativos.

Além do trabalho nas ruas e das visitas aos moradores, os terrenos públicos da região também estão recebendo a atenção da Emlur. Uma equipe já começou o serviço de limpeza com uma motoniveladora, uma pá mecânica e oito caçambas.

Essa ação tem o objetivo de conscientizar o cidadão da importância de sua participação na limpeza e manutenção da beleza da cidade. Os panfletos distribuídos pelos agentes educadores trazem informações sobre o acondicionamento correto dos resíduos domésticos e como descartá-los de maneira apropriada.

O comerciante Ivonaldo Raimundo da Silva, que mora há dois anos no Gervásio Maia, com os quatro filhos e a mulher, recebeu de um dos fiscais da Emlur as orientações básicas para acondicionar o lixo corretamente. “Essa ação é muito importante, pois ensina as pessoas a colocar o lixo de maneira certa, evitando que se acumule em ruas, calçadas e terrenos baldios, e evitando muitas doenças”, disse o comerciante.

A dona de casa Isabel Oliveira de Macena também aprovou a ação realizada pela Emlur no Gervásio Maia. “Deixa o bairro mais organizado e mais valorizado”, afirmou.

A diretora do Departamento de Valorização e Recuperação de Resíduos Sólidos (Devar), Elma Xavier, lembrou a importância da abordagem interativa feita com cada morador. “Além da orientação quanto ao acondicionamento correto do lixo produzido diariamente pelos moradores da área, a ação serve como um termômetro para a Emlur saber se o serviço está sendo prestado de maneira correta pela empresa contratada”, afirmou a diretora. “Só assim, a gente pode saber se os moradores têm alguma queixa ou se estão enfrentando algum problema com a coleta do lixo”, completou.

Dicas – O lixo não pode ser jogado em terrenos baldios e só deve ser colocado nas calçadas próximo ao horário de passagem dos caminhões de coleta, que atendem o condomínio Gervásio Maia nas segundas, quartas e sextas, sempre durante o dia. O acúmulo e o manuseio errado do lixo doméstico podem favorecer o surgimento e a proliferação de animais e outros vetores responsáveis pela transmissão de doenças.

Antes do Gervásio Maia, o Timbó, nos Bancários, também já foi atendido por esta ação educativa da Emlur e a próxima comunidade a receber o projeto será a do Grotão. Para analisar os resultados e reforçar a campanha, uma equipe de fiscais retorna à comunidade atendida 15 dias após a visita inicial.