Gincana encerra as comemorações pelo ‘Dia de Saúde Mental’ em JP

Por - em 57

A política de saúde mental adotada na atual gestão da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) busca a integração e o resgate da cidadania dos pacientes, conforme garantiu o prefeito Ricardo Coutinho (PSB) ao prestigiar o encerramento das comemorações pelo ‘Dia Nacional de Saúde Mental’. Na oportunidade, pessoas atendidas pelos Centros de Atenção Psicossocial de sete municípios participaram da III Gincana Intercaps, nesta quarta-feira (17). O evento é celebrado nacionalmente no dia 10 de outubro.

Um público estimado em 700 pessoas esteve presente às atividades que incluíram concurso de dança, representações teatrais, jogos de perguntas e respostas, atividades esportivas e banhos de piscina.

“Nosso objetivo é promover a integração social e o resgate da cidadania. Por isso, as atividades incluem a participação de usuários, familiares e trabalhadores dos Caps. É um esforço para mudar totalmente a forma como a saúde mental vinha sendo tratada, com isolamento social”, afirmou o prefeito.

Essas mudanças na forma de promoção da saúde mental se refletem claramente na vida do paciente Severino, mais conhecido como ‘Biu’. Até um ano atrás, ele vivia em cárcere privado, dentro de um quarto minúsculo, separado até mesmo do convívio familiar. Os pais diziam que ele colocava a própria vida em risco, tentando fugir de casa. Depois que passou a ser atendido no Caps Gutemberg Botelho, na Capital, ‘Biu’ deixou o quarto onde vivia, aproveita o convívio com a família e até já consegue sair de casa.

“Só o fato de ele estar aqui nesta festa já é uma grande vitória, principalmente para ele. Ele havia se tornado totalmente anti-social e agora está aqui entre nós. A família o trancou em casa depois de ele ter sido maltratado em outros serviços, chegando a apresentar cortes na cabeça. Por isso, os pais preferiam deixá-lo preso, mas agora isso acabou”, comemora a coordenadora do Caps Gutemberg Botelho, Sandra Carvalho.

Além das apresentações artísticas, cada serviço integrou uma exposição de artesanato com peças produzidas nas oficinas terapêuticas. Na hora do almoço foi servida uma feijoada. Além de João Pessoa, participam do evento os municípios de Pedra de Fogo, Cabedelo, Bayeux, Mamanguape, Sapé e Guarabira.