Grupo Oitavas do Choro anima Praça Rio Branco neste sábado

Por - em 12

A Praça Barão do Rio Branco, localizada no Centro da Capital, passa a fazer parte do Circuito Cultural das Praças a partir deste sábado (6), às 12h, com o grupo de chorinho ‘Oitavas no Choro’. O evento, previsto para acontecer semanalmente, sempre aos sábados, é promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por intermédio da sua Fundação Cultural (Funjope).

Segundo seus integrantes, o grupo musical ‘Oitavas do Choro’ surgiu em João Pessoa no ano de 2009, a partir do reencontro de alguns amigos que quiseram expressar o desejo de ampliar e diversificar o cenário de grupos de choros na cidade, através da execução instrumental, abrindo espaço para um repertório amplo e diversificado do gênero.

O repertório mescla diferentes ritmos, a exemplo de sambas, maxixes, choros-canções, traduzindo a beleza de nossa música, inclusive com produções paraibanas. Choros tradicionais e produções mais modernas fazem parte do show. O grupo é formado pelos músicos Cornélio Santana (flauta), João Maria (violão de sete cordas), Medeiros (cavaquinho), Francinete (vocal) e Mel (pandeiro).

Saiba Mais – O Choro surgiu por volta de 1870, no Rio de Janeiro, mas inicialmente não se caracterizou como estilo musical. Pela forma abrasileirada com que músicos da época tocavam ritmos estrangeiros como a polca, o tango e a valsa, o gênero musical caiu no gosto popular. Os músicos utilizavam, entre outros instrumentos, violão, flauta, cavaquinho, bandolim e clarinete, que dão à música um aspecto sentimental, melancólico e ‘choroso’. O termo Choro passa, então, a denominar o estilo influenciado por ritmos africanos, como o batuque e o lundu.

A partir de 1880, o Choro popularizou-se nos salões de dança e nas festas da periferia carioca. Um dos primeiros chorões – nome dado aos integrantes desses conjuntos – foi o flautista Joaquim Antônio da Silva Callado. Ernesto Nazareth e Chiquinha Gonzaga criaram as primeiras composições, firmando o Choro como gênero musical com características próprias.