Grupo visita Prefeitura e quer retomar debate sobre as vítimas da ditadura

Por - em 20

Entidades ligadas à defesa dos Direitos Humanos visitaram a secretária da Transparência Pública (Setransp), Estelizabel Bezerra, na tarde desta quinta-feira (23), para apresentar o lançamento da campanha ‘Resgate da Memória’, que prevê a retomada das discussões sobre as pessoas que foram vítimas de perseguições da ditadura militar no Brasil, bem como de seus torturadores.

A iniciativa da campanha é do grupo ‘Tortura Nunca Mais’, com sede no Rio de Janeiro, e que pretende reunir o maior número possível de estados participantes no projeto. A professora e integrante do grupo carioca, Cecília Coimbra, veio à Paraíba participar da mobilização para o lançamento da campanha. Ela também compareceu à reunião com a secretária e ressaltou o grande número de pessoas ligadas ao regime, que dão nomes a bairros e logradouros públicos da cidade de João Pessoa.

Estelizabel Bezerra ressaltou que na atual gestão estão sendo feitos esforços para tentar homenagear personagens históricos ligados a movimentos sociais ou que foram perseguidos pela ditadura, como foi o caso da Escola Municipal inaugurada este ano no conjunto Cidade Verde, no bairro das Indústrias, que ganhou o nome de Anaíde Beiriz.

Além disso, a secretária sugeriu que o movimento pudesse enviar uma lista de nomes de pessoas desaparecidas ou perseguidas pelo regime, para que sejam homenageadas nomeando ruas do Parque Residencial Gervásio Maia, que está sendo construído pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP).