Guarda Municipal se prepara para brincar carnaval no bloco ‘Azulão’

Por - em 33

Para muita gente o carnaval acabou na quarta-feira de cinzas. Mas para os 630 homens e mulheres que integram a Guarda Municipal da Prefeitura de João Pessoa (PMJP) chegou o momento de festejar. Já que passaram todo o período carnavalesco trabalhando, no próximo sábado (12), vão se juntar aos familiares, demais servidores municipais e a população para sair no Bloco ‘Azulão’.

A concentração será no Busto de Tamandaré, em Tambaú, a partir das 9h.
Segundo superintendente adjunto da Guarda, Lucas Severiano Medeiros, os participantes serão recepcionados com um delicioso café da manhã. O bloco só sai às 11h e segue pela avenida panorâmica em direção ao Largo da Gameleira, na praia de Tambaú.

“Os foliões serão animados por uma orquestra de frevo. As camisetas do bloco, que serão trocadas por dois quilos de alimentos não perecíveis, só poderão ser adquiridas na manhã do evento, no local da concentração. Agora as pessoas têm que chegar cedo, pois iremos disponibilizar apenas 400 camisetas”, frisou.

Banho refrescante – Na chegada ao Largo da Gameleira, os foliões irão se refrescar com o já tradicional banho de carro pipa. Este é o terceiro ano do bloco Azulão. A expectativa é de que cerca de dois mil foliões participem da festa carnavalesca. Todo alimento conseguido com as camisetas será doado a uma instituição de caridade, a ser definida posteriormente.

“O bloco tem como objetivo estimular o profissional e aumentar a auto-estima da tropa, sem falar do momento de confraternização que o evento proporciona. A equipe da Guarda Municipal trabalhou todos os dias de carnaval, a começando com o Folia de Rua até o Carnaval Tradição. Essa é a oportunidade de se divertir com responsabilidade e de maneira saudável, junto com a família”, afirmou Lucas Severiano.

O nome ‘Azulão’ faz referência à cor do fardamento da Guarda Municipal. A nomenclatura também faz analogia ao pássaro Azulão, que é considerado uma ave com maior senso territorialista e cujo canto ecoa por quilômetros.