Hotel Globo recebe apresentação da Orquestra de Violões Paraíbase nesta sexta-feira

Por Rômulo Teodorico - em 472

A música instrumental ganha espaço no Pôr do Sol no Hotel Globo, no Centro Histórico da Capital, nesta sexta-feira (20), a partir das 16h. O evento, que faz parte da programação do AnimaCentro, contará com a apresentação da Orquestra de Violões da Paraíbase. A iniciativa é da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da sua Fundação Cultural (Funjope). A entrada é gratuita.

Intitulado ‘Pôr do Sol’, o concerto trará ao palco, juntamente com a Orquestra de Violões, uma nova geração que passou a integrar o grupo a partir do final de 2017. São as cantoras Giovanna Maropo, Thay Fernandes e Wagney Ramos, além dos solistas convidados Rodrigo Kesselring (violonista) e Marcos Andrade (cavaquinista).

Na apresentação serão interpretados ícones do repertório erudito, como a ‘Marcha Turca’ de Mozart, ‘Melodia Sentimental’ de Villa-Lobos e o ‘Concerto em Ré Maior’ de Vivaldi, para violão e orquestra. Saindo do erudito, a orquestra trará um diversificado repertório popular, passando pelo choro Chiquita, de Waldir Azevedo. A apresentação trará também músicas regionais, com Feira de Mangaio de Sivuca e Glorinha Gadelha, ‘Se não fosse o forró’ de Adilson Medeiros, entre outras.

Além dos cantores convidados para esse concerto, a apresentação contará com a participação de Bianca Nóbrega (flauta transversal), Fabíolla Santos (clarinete), Izabella Raiane (acordeon) e Allanderson Teixeira (baixo elétrico). Na bateria e percussão estarão Adriano Gomes e Rodrigo Amaral, e na percussão Vanildo Marinho. A regência fica a cargo da maestrina Carla Santos. A direção artística e musical é de Cledinaldo Alves e Carla Santos.

Grupo – A Orquestra de Violões da Paraíba, considerada ícone na cultura do estado por sua relevante contribuição musical e formativa, foi criada em maio 1992 pelo maestro Gladson Carvalho. Esta já realizou concertos por diversas regiões do Nordeste, incluindo inúmeras cidades do interior da Paraíba, deixando seu trabalho registrado em dois CD`s. Um desse foi relançado pelas Paulinas e tem sido vendido por todo Brasil e na Europa.

AnimaCentro – O Centro Histórico da Capital ganhou destaque na atual gestão municipal. Eleita pela Unesco como Cidade Criativa, João Pessoa conta com uma programação permanente de ocupação cultural do Centro Histórico, o AnimaCentro. Este é o maior projeto de intervenção cultural já realizado, unindo revitalização e dando sentido à ocupação da área central da Capital.

Salvar