Humor, reggae e Orquestra de Violões no Circuito das Praças

Por - em 33

Show humorístico, música erudita, MPB e reggae são algumas atrações da próxima edição do ‘Circuito Cultural das Praças’, que acontece neste sábado (16), a partir das 20h, nas sete praças atendidas pelo projeto, que é desenvolvido pela Prefeitura de João Pessoa (PMPJ), através da sua Fundação Cultural (Funjope).

Mangabeira – No Anfiteatro Chico César, da Praça do Coqueiral, o pólo ‘Encontro Cultural’ recebe a apresentação da ‘Orquestra de Violões da Paraíba’ com a participação da cantora Maria Juliana. A Orquestra surgiu em 1992, criada pelo Maestro Gladson Carvalho, com o qual realizou concertos por todo o Nordeste. Em 1997, o grupo foi desativado, mas retomou suas atividades em 2005, na escola de Música Anthenor Navarro.

Após dez anos longe dos palcos, o grupo reestreou em novembro de 2007, continuando, dessa forma, a sua trajetória musical, com um repertório eclético, formado por composições como ‘Melodia Sentimental’, de Heitor Villa Lobos; ‘Eleanor Rigby’, dos ‘Beatles’; ‘Carinhoso’, de Pixinguinha e ‘No Forró do Zé Doidiça’, de Rogério Borges.

Bancários – No pólo ‘Cultura de Casa Vai à Praça’, que acontece no Anfiteatro Lúcio Lins, da Praça da Paz, a atração é o humorista Cristovam Tadeu, com o show ‘Risopontocom – Uma ri-trospectiva’. O show do humorista utiliza novas linguagens informatizadas, a exemplo da Internet. As imitações de personalidades é outro ponto alto do espetáculo, a exemplo de uma conversa entre Caetano Veloso e Gilberto Gil, no quadro ‘Diálogos Impertinentes’, além de sátiras de políticos e até mesmo, arriscando-se na música, com o blues-rock ‘BR-Brasil’, cantada com um inglês típico do Ceará.

Torre – Na Praça Tiradentes, o pólo ‘Viva a Praça’ apresenta o show da Banda ‘Arautos Profanos’, que traz uma mistura de música regional, com uma tendência contemporânea, utilizando ritmos como xote e baião.

Jaguaribe e Funcionários II – O pólo ‘Palco Aberto’, que acontece na Praça Aquiles Leal, em Jaguaribe, apresenta o show do cantor e compositor Déo Nunes e banda. O artista vai mostrar um repertório autoral de MPB. Já no Anfiteatro Sivuca, da Praça Bela, nos Funcionários II, a atração é o show da cantora Genilda Moreira, com um repertório formado basicamente por MPB, Forró e Axé.

Manaíra e Bessa
– No pólo ‘Arte na Praça’, da Praça Alcides Carneiro, em Manaíra, acontece o show de música autoral de Bona Akotirene e convidados, numa mistura de ritmos experimentais, que utiliza instrumentos de percussão e mariola. Já no Anfiteatro Zé Ramalho, da Praça do Caju, no Bessa, a atração é o reggae da banda ‘Amanita Roots’, formada pelos músicos Aluísio Nicácio (vocal), Helder Guerra (guitarra), Arthur Mendes (baixo) e Breno Eduardo (bateria). A banda traz influências de Bob Marley, Peter Tosh, Ponto de Equilíbrio, Cidade Negra, Edson Gomes e Rastafelling. O repertório é formado por músicas e releituras de ícones do gênero. O grupo pretende lançar ainda este ano o seu primeiro CD, intitulado ‘Guerreiro Rasta’.