Idosos do Valentina são integrados a programação festiva do IPM

Por - em 38

O trabalho realizado por agentes comunitários de saúde da Unidade de Saúde da Família (USF) Doce Mãe de Deus, no Valentina Figueiredo, com um grupo de idosos ganhou o reforço do Instituto de Previdência do Município (IPM). A ideia é divulgar e incentivar os aposentados e pensionistas a participarem da programação oferecida pelo Centro de Convivência e Clube da Pessoa Idosa.
Há cerca de um ano, aproximadamente 20 idosos cadastrados na USF, na rua Felipa Lira Portela, nº 106, passaram a ser atendidos com atividades integrativas e palestras sobre alimentação e saúde. Uma iniciativa que nasceu do contato diário entre as agentes e os idosos que buscavam atendimento médico no bairro do Valentina II.

“Aqui, eles tem a oportunidade de trabalhar a coordenação motora, a memória e ainda se divertem. Eles se sentem vinculados e podem participar de um espaço para o diálogo, quando muitos não possuem a liberdade para conversar com a própria família. No grupo, os idosos não só aprendem, mas também transmitem muito conhecimento, esta é uma troca de experiências”, considera a agente de saúde e coordenadora do grupo, Estephany Oliveira.

E se os idosos já demonstravam total integração com estas atividades, a animação desta turma da terceira idade aumentou com a descoberta da programação do Centro de Convivência do IPM e do Clube da Pessoa Idosa, no bairro do Altiplano Cabo Branco. Muitos nem sabiam da política de inclusão social e promoção na melhoria da qualidade de vidas desenvolvida pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP).

“Eu fiquei muito feliz em saber que existe um lugar onde somos tão bem tratados. Infelizmente, a sociedade nos enxerga como ‘velhos’, mas eu vi que no IPM, a gente se sente acolhida, bem cuidados, com uma série de atividades exclusivas para nós”, afirmou Beatriz Carneiro, 78 anos, que diz não ver a hora de conhecer o Clube da Pessoa Idosa.