Implantação do Binário do Bessa reestrutura trânsito no Bairro

Por - em 59

“É o maior presente que o Bessa recebeu”. Com essas palavras, a dona de casa Ednalva de Souza Tomaz, moradora do bairro há oito anos, comemorou a inauguração do binário do Bessa, entre as avenidas Afonso Pena e a Arthur Monteiro de Paiva. A entrega da nova via de trânsito do local foi feita pelo prefeito Ricardo Coutinho, na noite desta segunda-feira (29).

Para o prefeito Ricardo Coutinho, as obras realizadas no Bessa implantam civilidade no bairro. “Praticamente não havia infraestrutura no local. Nós trouxemos escolas, creches, praças e agora fizemos, talvez a parte mais difícil de todo o Bessa, que a parte da drenagem. O trânsito também estava muito complicado no local, daí a necessidade do binário para melhorar o fluxo de veículos no bairro“, afirmou.

Calçamento – O prefeito revelou que não é apenas o Bessa que está recebendo obras na cidade, isso porque 113 ruas nesse momento sendo calçadas pela Prefeitura. Afora, revelou ele, o investimento de R$ 4 milhões em recapeamento em ruas onde já existia asfalto, principalmente nos trajetos onde circulam os transportes coletivos para agilizar a mobilidade urbana.

“Quando assumimos a Prefeitura encontramos 2.202 ruas sem calçamento. Já pavimentamos mais de 500 delas e vamos investir cada vez mais”, assegurou. Segundo Ricardo, uma das próximas ações da PMJP será urbanização da Orla entre o MAG Shopping e o Iate Clube, com a implantação de calçadas, ciclovias, além de nova iluminação, “cuidando de dar a João Pessoa, não só ao bairro do Bessa, outro perfil urbanístico”.

Drenagem – Além da reestruturação do trânsito no bairro, com a implantação do binário, os moradores comemoram também a drenagem e a pavimentação de várias ruas no Bessa. “No inverno, não havia como a gente sair de casa, pois a água chegava perto do joelho. Agora a realidade é outra, está tudo muito bom”, destacou Ednalva Tomaz.

Outro morador que está feliz com as melhorias no Bessa é o consultor imobiliário Maycylvio Freitas, que reside no local há sete anos. “A obra de drenagem e a pavimentação do bairro é um acontecimento para nós. Antes, quando as pessoas perguntavam onde eu morava, dizia morava na parte do Bessa onde existia as marinas. No inverno, só conseguiria sair de casa de barco por causa da lama”, disse.

A obra do binário do Bessa recebeu recursos da ordem de R$ 11 milhões, sendo R$ 7 milhões de recursos próprios da Prefeitura e o restante do Governo Federal. Segundo o secretário-adjunto de Infraestrutura, Deusdeth Queiroga, mais de 20 vias foram pavimentadas, totalizando mais de 8,5 quilômetros de ruas com pavimentação, algumas com asfalto e outras com calçamento.

“A obra traz a pavimentação e drenagem para o Bessa, uma reivindicação de mais de 20 anos dos moradores. Antes, no inverno, eles se deparavam com vias alagadas e agora tem as vias pavimentadas, trazendo mais conforto para a população”, ressaltou.