Infra-estrutura presta contas de realizações em audiência do Orçamento

Por - em 14

“O Governo Municipal tem compromisso e responsabilidade com esta cidade e por isso precisamos de uma população atenta e participativa, para podermos continuar mudando a história de João Pessoa”. A declaração foi feita pela secretária da Transparência Pública (Setransp), Estelizabel Bezerra, durante a segunda audiência popular setorial do Orçamento Democrático, que aconteceu na quinta-feira (12), na Escola Municipal José de Barros Moreira, em Mandacaru, bairro que integra a 11ª região orçamentária.

Na audiência, que faz parte da terceira etapa do ciclo orçamentário, as secretarias municipais fazem uma prestação de contas à população das ações promovidas ao longo destes três anos e meio pela atual gestão. Dessa vez, a Secretaria de Infra-estrutura (Seinfra), através do secretário João Azevedo, exibiu um panorama das obras e serviços realizados, como também aqueles que serão executados nos próximos meses.

“Estamos investindo em diversos bairros de João Pessoa, com a construção de Centros de Referência em Educação Infantil (Creis), reforma e construção de escolas, pavimentação de ruas, urbanização e saneamento básico. Muitas dessas ações da Prefeitura são demandas do Orçamento Democrático”, afirmou João Azevedo.

Dentre as intervenções anunciadas pelo secretário durante a audiência encontram-se a construção de Unidades de Saúde da Família (USFs), Centros de Referência em Educação Infantil (Creis), reforma, construção e ampliação de escolas, construção do Hospital de Ortotrauma (Mangabeira), pavimentação de 245 ruas, construção do Centro de Comércio e Serviço do Varadouro (CCSV), além de estações elevatórias e reforma do Mercado Central.

O secretário disse que é importante priorizar o que precisa ser feito, para se saber quais as principais necessidades de cada região. Ele falou ainda do trabalho em saneamento ambiental que está sendo realizado pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP) nos bairros do Grotão, das Indústrias, Mandacaru, Alto do Céu, comunidades Três Lagoas e Boa Esperança, com investimentos de R$ 26.958,331,94.

Projetos como o ‘Pró-Moradia’ e o ‘Reluz’ também foram apresentados, esse último com investimentos de mais de R$ 1 milhão, além do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do Governo Federal para os vales dos rios Jaguaribe e Sanhauá.

“As ações do PAC não só vão resgatar a vida dos rios, como também oferecer condições dignas às populações ribeirinhas dessas localidades”, ressaltou João Azevedo. A audiência popular setorial contou com a presença da Ouvidora Municipal, Rossana Honorato, delegados e conselheiros e dos alunos do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (ProJovem).