Inscrições para encontro ecológico de ciclistas têm início nesta quarta

Por - em 52

As inscrições para o ‘Primeiro Encontro Ecológico de Ciclistas Amadores do Litoral Norte e Sul e Cidade de João Pessoa’ começam nesta quarta-feira (19) no Paço Municipal, localizado na Praça Pedro Américo, no Centro da Capital paraibana. O passeio acontecerá no próximo dia 30. Para aqueles que concorrerão aos prêmios, o valor da inscrição foi fixado em R$ 15 reais (valor da camisa), mais um quilo de alimento. Quem quiser somente participar, deverá levar apenas um quilo de alimento não perecível.

As premiações variam de R$ 300 reais (1º lugar), R$ 100 reais (2º lugar) e R$ 50 reais (3º). A largada acontecerá no Busto de Tamandaré (orla marítma), com previsão para as 8h30 desta quarta-feira. O passeio ciclístico tem o apoio da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), por meio de ações da Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

As inscrições estão sendo realizadas também no campo grande de futebol do bairro Valentina Figueiredo; no próprio Busto de Tamandaré; Secretaria de Turismo (Setur), localizada no Parque Solon de Lucena; nas lojas ‘Cabedelo Bicicletas’ e ‘Carlos Bicicletas’, instaladas no centro de Cabedelo; na loja ‘Dinho Bicicletas’ (Alto do Mateus) e ‘Padaria do Carioca’ (Cristo Redentor).

Percurso – De acordo com um dos coordenadores do evento, Marival Aciole de Souza, a concentração será a partir das 7h, no Busto de Tamandaré e o percurso envolverá as avenidas Rui Carneiro, Epitácio Pessoa, Maximiniano Figueiredo (altura da Praça da Independência), até chegar na Lagoa do Parque Solon de Lucena e depois Estação Ferroviária (Varadouro).

“Na volta, passaremos novamente no Parque Solon de Lucena, onde os ciclistas darão um abraço de confraternização em volta da Lagoa. Logo em seguida, tomaremos a avenida Beira Rio e retornaremos ao Busto de Tamandaré. Os ciclistas que sairão de localidades nos litorais Norte e Sul farão outro percurso, mas se encontrarão todos no mesmo local”, explicou Aciole.

Integração – A iniciativa, conforme o organizador, partiu da necessidade de integrar os ciclistas amadores e os profissionais num evento sem propósitos comerciais. “Estamos contemplando o desejo das pessoas de terem um espaço para desenvolver o esporte ou apenas a paixão pelo ciclismo. Teremos três pelotões: o primeiro voltado para os profissionais; outro destinado a amadores que praticam continuamente essa atividade e o terceiro pelotão voltado às famílias. Para esse último pelotão preparamos todo o apoio – juntamente com nossos parceiros STTrans e Samu – durante o percurso. A intenção é que pais e filhos se sintam seguros”, relatou.