Integração metropolitana de JP beneficiará 200 mil pessoas

Por - em 28

Cerca de 200 mil pessoas serão beneficiadas, apenas no primeiro mês de implantação do sistema integrado de transporte público das cidades de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Conde e Alhandra. Para tanto, foi assinado entre os seis municípios na tarde desta segunda-feira (23), o ‘Termo de compromisso celebrado entre prefeitos e as empresas de transporte público de passageiros da região metropolitana de João Pessoa para a implantação de integração tarifária’. A solenidade aconteceu no auditório do Paço Municipal, no Centro da Capital paraibana.

O prefeito da Capital, Ricardo Coutinho (PSB), anunciou que o novo sistema vai começar a operar no dia 1º de maio, quando se comemora o ‘Dia Internacional do Trabalhador’. Ele explicou que os usuários terão o desconto de 50 por cento no valor da segunda passagem. “A assinatura desse acordo tarifário representa um momento histórico para a Paraíba, pois caracteriza a democratização do acesso ao emprego. E não só os trabalhadores serão beneficiados, mas todas as pessoas que aderirem ao sistema”, esclareceu o prefeito pessoense.

De acordo com ele, os municípios não podem atuar de forma isolada, mas através de parcerias para o beneficio de um todo. “Já temos a experiência exitosa da Integraç e agora vamos estender esse projeto aos demais municípios que formam a região metropolitana. O dia de hoje marca que o olhar dos governantes deve seguir o olhar do interesse da população, que é dar aos cidadãos o direito de ir e vir”, enfatizou Ricardo.

Depoimentos dos prefeitos – Em seus discursos, os demais prefeitos também destacaram a importância dessa parceria. Para o prefeito de Santa Rita, Marcus Odilon, o acordo também vai diminuir o desemprego. “Muito se falava nessa integração entre os municípios, mas não se chegava a lugar nenhum. Após anos, isso agora é realidade. E para milhares de trabalhadores, isso representa muito além de economia na passagem, mas a facilitação de se conseguir um emprego. Agora, os empregados das cidades vizinhas vão competir de igual para igual com os daqui da Capital”, ressaltou Odilon.

Já Renato Mendes, prefeito de Alhandra, complementou a fala de Marcus Odilon. “É um projeto importantíssimo e a classe mais beneficiada com certeza será a trabalhadora, as pessoas que mais circulam nos ônibus”, disse.

Para J. Júnior, prefeito de Bayeux, a iniciativa mostra que os prefeitos estão unidos. “Essa parceria mostra que quando se unem a coisa anda, principalmente no lado social. As pessoas estão cansadas de promessas, precisam de projetos concretos. Hoje estamos dizendo para o trabalhador de qualquer cidade dessas que ele pode competir em pé de igualdade. Isto aqui é o início de outras ações em conjunto”, reforçou.

Os prefeitos de Cabedelo e do Conde, José Régis e Aluísio Régis, respectivamente, não puderam comparecer à solenidade devido a compromissos administrativos, mas enviaram representantes.

Também participaram da cerimônia de assinatura o coronel Rodrigues, representando o Departamento de Estradas de Rodagem (DER); Joselito Pereira, presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros no Estado da Paraíba (Sintrans); o promotor Gualberto Bezerra, pelo Ministério Público Estadual, e Alberto Pereira, das empresas de ônibus, além de Mário Tourinho, presidente da Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbanos de João Pessoa (AETC-JP). Também compareceram empresários do setor, vereadores dos municípios participantes, deputados estaduais, além de vice-prefeitos e secretários municipais.