Jampa Digital beneficia praças, 92 escolas e orla da Capital

Por - em 43

O projeto “Jampa Digital”, da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), foi lançado na noite desta sexta-feira (19), no Busto de Tamandaré, na praia de Tambaú. Pioneiro em todo o país, o projeto oferece Internet gratuita à população, sendo resultado de uma parceria entre a Prefeitura de João Pessoa, através da Secretaria de Ciência e Tecnologia (Secitec), com o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT). Nesta primeira fase o projeto vai abranger inicialmente toda a orla da Capital. Segundo estimativas da Guarda Municipal pelo menos 50 mil pessoas assistiram ao show da cantora Pitty após o lançamento do projeto, na praia de Tambaú.

Durante a solenidade de lançamento, o prefeito Ricardo Coutinho explicou que inicialmente foram instaladas cinco antenas para transmissão do sinal. Cada equipamento vai permitir que cerca de 600 pessoas se conectem  a Internet ao mesmo tempo. “O futuro começa agora, estamos preparando a cidade para uma situação que é essencial agora, imagine no futuro, que é a inclusão digital. Precisamos abrir as portas do conhecimento para todas as pessoas independente de condição econômica. O Jampa Digital significa internet gratuita, transmissão de dados, envolvendo 14 praças, 94 escolas, estamos colocando a cidade de João Pessoa no espaço cibernético“, afirmou.

Para o secretário de Ciência e Tecnologia do município, Aguinaldo Ribeiro, o projeto representa um salto qualitativo para o pessoense. Segundo Aguinaldo, a estrutura de ciência e tecnologia está sendo implantada não só para essa geração, como para as futuras gerações. “Tivemos todo o apoio do prefeito Ricardo Coutinho para implantar esse projeto, pois ele reconhece ser necessária essa infraestrutura. Inclusão digital hoje é inclusão social“, ressalta o secretário .

Etapas – A primeira etapa do projeto abrange a orla pessoense entre Cabo Branco e Tambaú, com a instalação de antenas para transmissão do sinal. Cada antena instalada na Orla vai permitir que cerca de 600 pessoas se conectem a Internet ao mesmo tempo. Ao todo, podem ser realizados 6 mil acessos simultâneos. A próxima etapa será a disposição do sinal em 14 praças da cidade.

Já foram investidos no Jampa Digital cerca de R$ 27 milhões na compra de equipamentos, que dão infraestrutura física de tráfego ao sinal, e também em aplicados e conteúdos. Por ano, devem ser utilizados cerca de R$ 10 milhões em recursos provenientes do Governo Federal e da PMJP.

Acesso – Os moradores da Capital de outros bairros da cidade podem se beneficiar do projeto utilizando uma Estação Digital montada no Busto de Tamandaré. No local foram instalados 20 computadores com acesso à Internet através do projeto Jampa Digital. A estação vai ficar instalada no local durante 30 dias e vai funcionar das 9h às 22h.

Para acessar o Jampa Digital basta ter um computador portátil – notebook, netbook ou laptop – ou de mão – PDA’s – ou mesmo celulares e smartphones com a tecnologia com tecnologia de conexão WI FI (sem fio), buscar a rede referente ao projeto e conectar-se através do portal da Prefeitura (www.joaopessoa.pb.gov.br).