João Pessoa tem iluminação natalina acionada na Lagoa

Por - em 49

O secretário de Planejamento da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), Luciano Agra, acionou no início da noite desta quarta-feira (10) a iluminação natalina da cidade, que inclui 11 árvores armadas (com 17 metros de altura cada) no entorno do anel interno do Parque Solon de Lucena, no Centro da Capital, e a árvore principal com 25 metros que flutua sobre as águas da Lagoa. Ele representou o prefeito Ricardo Coutinho (PSB) no evento.

O projeto de iluminação, que funcionará até o ‘Dia de Reis’ (6 de janeiro), contempla também nove bairros com a colocação de árvores de Natal com 15 metros de altura. Ao todo são mais de 3,5 mil lâmpadas trazendo para os corredores e bairros um clima de Natal.

Ao acionar o dispositivo da iluminação natalina, Luciano Agra considerou o ato “uma tradição que se incorpora aos hábitos da cidade de forma simples e modesta, mas com grande significado. Embelezamos não só o Centro da cidade, mas também diversos bairros, levando aos moradores a mensagem de paz”, destacou.

O projeto também inclui a decoração do prédio do Paço Municipal, localizado na Praça Pedro Américo, no Centro; e os equipamentos que compõem a Estação Cabo Branco – Ciências, Cultura e Arte, no bairro do Altiplano. A Avenida Getúlio Vargas – no trecho entre a Lagoa e a Igreja Batista – também foi toda enfeitada para a festa.

Na área central da cidade, uma parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) viabiliza a iluminação em várias ruas com a colocação de mais de cinco mil metros de gambiarras, a exemplo da 13 de Maio, Padre Meira, B. Rohan, Guedes Pereira e anel externo da Lagoa. A intenção é tornar o percurso da população mais seguro durante as compras, inclusive devido ao comércio ter estendido o horário de funcionamento no período de final de ano.

A iluminação descentralizada integra os bairros do Alto do Mateus, Valentina Figueiredo, Ernesto Geisel, Mangabeira, Bancários, Ipês, Jaguaribe, Bessa e Cruz das Armas. Em cada um dos bairros, a Prefeitura de João Pessoa instalou em pontos estratégicos e de grande circulação de pessoas, árvores com 15 metros cada uma.