Lançada a edição 2010 do São João Rural do Vale do Gramame

Por - em 37

Considerado atualmente como um dos eventos juninos mais tradicionais e autênticos da Capital, o São João Rural do Vale do Gramame teve o seu projeto da edição 2010 lançado na manhã desta terça-feira (19), na Escola Viva Olho do Tempo (Evot), que promove o evento. O lançamento contou com a presença de moradores da região, jornalistas e parceiros da iniciativa, a exemplo do diretor Executivo da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), Chico César, da Prefeitura de João Pessoa (PMJP).

Para Chico César, essa parceria é bastante positiva. “João Pessoa tem o privilégio de dispor também de uma festa junina tipicamente rural, num lugar tão próximo do ambiente urbano, e a Funjope vem apoiando essa manifestação popular nos últimos anos e pretende não só continuar, mas também ampliar essa parceria”.

O projeto foi apresentado pelo professor Aloísio Lima, um dos coordenadores da iniciativa, que demonstrou todas as etapas do processo, assim como o seu formato, que traz opções como o concurso de carroças juninas, o encontro das quadrilhas juninas, muito forró pé-de-serra e, como não poderia deixar de ser, as cobiçadas comidas típicas do período. A apresentação foi ilustrada com textos explicativos sobre o caráter, os objetivos e resultados do evento, além de fotografias de edições anteriores.

A presidente da Escola Viva Olho do Tempo (Evot), Doci Gomes, ressaltou os atrativos do Vale do Gramame, em especial, os do São João Rural. Segundo ela, “é um evento coletivo que se consolida a cada ano, com a participação massiva daquelas comunidades, tanto nas festas propriamente ditas, quanto no processo preparativo, opinando, discutindo e formatando a melhor proposta, além de que é uma oportunidade de mostrar os nossos talentos”.

Doci Gomes finalizou falando da participação das crianças nos eventos culturais. “Aqui no Vale temos muitos artistas e grupos e percebemos um forte interesse das crianças pela arte, onde elas têm a oportunidade de recitar, cantar e fazer músicas. Este fato nos alegra bastante”.

O ‘Coroné de Quadrilha Junina’ Marcos, morador da região, afirmou que este é um dos eventos culturais mais importantes da região, “uma vez que envolve crianças, jovens, adultos e idosos, além de trazer renda e atrair visitantes, no resgate das cirandas, quadrilhas juninas e forró. Isso faz com que essas coisas não morram em nossa comunidade”.

Parceiros – O ‘São João Rural’, que acontece durante todo o ciclo junino nas comunidades de Gramame, Engenho Velho e Mituaçu, é promovido pela Escola Viva Olho do Tempo (Evot) em parceria com a Prefeitura de João Pessoa (PMPJ), numa ação de sua Fundação Cultural (Funjope), aliada às secretarias municipais de Turismo (Setur), Meio Ambiente (Semam), Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans), Autarquia Especial Municipal de Limpeza Urbana (Emlur), Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) do Vale do Gramame, Associação de Moradores de Gramame, Engenho Velho e Mituaçu, Igreja Católica do Vale do Gramame, SEBRAE Antares Comunicação, Cachaça São Paulo e Fórum da Agenda 21 Local.