Litro da gasolina é vendido a R$ 2,359 de acordo com pesquisa do Procon-JP

Por - em 80

O Procon de João Pessoa constatou uma nova redução no preço cobrado pelo litro da gasolina nos postos de combustíveis da Capital. Os valores encontrados nesta segunda-feira (02) vão de R$ 2,359 a R$ 2,69, o que representa uma variação de 14% entre os estabelecimentos pesquisados. Desde o último levantamento, realizado na semana passada, dos 100 postos pesquisados, 69 reduziram os preços e 31 mantiveram.

De acordo com a pesquisa, os consumidores podem economizar até R$ 0,33 a cada litro abastecido. O menor preço foi verificado no posto Extra, no Bairro dos Estados. Já o maior valor do litro da gasolina foi encontrado no posto Ferrari, no Centro. Esta foi à segunda queda consecutiva no preço da gasolina. Na semana passada, o Procon-JP verificou que o menor preço do litro caiu em 48 postos após quase cinco meses de aumento.

Para a gasolina aditivada a variação é de 13,4%, com valores que vão de R$ 2,38 a R$ 2,699. Com isso, os consumidores podem economizar até R$ 0,32 por litro. O menor preço foi constatado pelos pesquisadores no posto Global, no José Américo, e o maior em três postos (Select, Ataíde Bezerra e Ayrton Senna).

Álcool e diesel – O Procon-JP também pesquisou os preços cobrados pelo litro do álcool e encontrou uma variação de 16,7%. Os valores vão de R$ 1,97 a R$ 2,299 entre os postos. A maior economia, segundo a pesquisa, é feita no posto Ferrari. Já o maior preço foi verificado no posto Villaggio, nos Bancários. Da semana passada até esta segunda-feira, 15 postos baixaram os preços do álcool, 80 mantiveram e dois aumentaram.

Já o preço do litro do óleo diesel é comercializado de R$ 1,877 a R$ 2,199. Com a variação de 17,2%, os consumidores podem abastecer economizando até R$ 0,32 por litro. O posto Independência, no Tambiá, é onde se comercializa o menor preço. O maior valor foi constatado pelos pesquisadores no posto Villaggio. Desde o último levantamento, dois postos baixaram os preços, 94 mantiveram e nenhum aumentou.

GNV – O metro cúbico do gás natural veicular (GNV) custa de R$ 1,699 a R$ 1,82, representando uma variação de 7,1%. O menor preço foi verificado no posto Bom Jesus, na BR – 101 e o maior no Ayrton Senna. Com a diferença, a economia pode ser de até R$ 0,12 a cada metro cúbico. O combustível é o que apresenta a maior estabilidade nos preços, pois nenhum posto alterou os valores em relação à pesquisa anterior.

Acompanhamento – De acordo com o monitoramento feito pelo Procon-JP, o preço cobrado pela gasolina na cidade era de R$ 2,27 no início de novembro do ano passado. Mas poucos dias depois, 66% dos estabelecimentos elevaram os preços e os consumidores encontraram o combustível acima de R$ 2,58 na maioria dos postos. Com os aumentos consecutivos, o menor valor foi para R$ 2,50 e era praticado por apenas um estabelecimento localizado na Avenida Epitácio Pessoa.

Confira no link a atual pesquisa de preço de combustíveis