Luciano Agra assina convênio para construção de 576 casas

Por - em 21

A cidade de João Pessoa ganhará mais um empreendimento habitacional dentro do Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, do Governo Federal. Desta vez, serão 576 unidades a serem construídas no bairro do Jardim Veneza, direcionadas à população com renda de até três salários mínimos. O convênio que garante a construção das novas moradias foi assinado na manhã desta quinta-feira (23) entre o prefeito Luciano Agra, a Caixa Econômica Federal e a construtora Terramar, responsável pela obra.

A assinatura do convênio aconteceu no gabinete do Centro Administrativo Municipal (CAM) e contou com as presenças da secretária de Habitação Social do Município, Emília Correia Lima, empresários e auxiliares do governo.

“Com este novo convênio, chegamos ao número de 2.932 unidades habitacionais a serem construídas em João Pessoa a partir do ‘Minha Casa, Minha Vida’. Isso demonstra o interesse do governo municipal em dar sequência ao programa de habitação social que promete reduzir consideravelmente o problema de falta de moradias para a população de baixa renda na Capital”, disse o prefeito.

Além do novo residencial, que terá investimentos na ordem de R$ 23,6 milhões, também estão sendo construídas, a partir do mesmo programa habitacional, outras 584 unidades do Bairro das Indústrias, no Residencial Anayde Beiriz; 244, no residencial Manacá, em Paratibe, no Valentina; outras 288 também estão em construção no Colinas do Sul, no Residencial Jardim das Colinas; e ainda outras 1.240 também estão sendo construídas no Residencial Irmã Dulce, no mesmo bairro.

“Em João Pessoa, temos a honra de participar dessa parceria com a prefeitura e as empresas privadas. Iremos fechar o ano de 2010 com 17 mil unidades sendo produzidas em todo o Estado; dentro do ‘Minha Casa, Minha Vida’, 11 mil unidades contratadas ou em fase de produção”, ressaltou o superintendente em exercício da CEF na Paraíba, Celizo Bezerra Filho.

“É importante destacar que em todo o Estado, apenas em João Pessoa estão sendo construídas unidades direcionadas a quem tem renda de zero a três salários mínimos, portanto a que mais necessita de novas moradias”, completou a secretária Emília Correia Lima.

No Jardim Veneza, as 576 unidades serão apartamentos divididos em 12 blocos, construídos nos padrões já adotados nos outros bairros: terão 42,3 metros quadrados de área construída, com sala, dois quartos, cozinha, banheiro social e área de serviço. O projeto prevê ainda obras de infraestrutura completa, como drenagem, pavimentação, rede de esgotos, iluminação e construção de calçadas.