Luciano Agra e Polari discutem convênios entre PMJP e UFPB

Por - em 22

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) deverá ampliar este ano os convênios com a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) nos setores de educação e saúde. Novas propostas de cooperação entre os dois órgãos foram discutidas em uma reunião nesta terça-feira (22) entre o prefeito Luciano Agra e o reitor da UFPB, Rômulo Polari, no gabinete do Centro Administrativo Municipal (CAM), em Água Fria. A reunião também teve a participação do secretário de Transparência Pública do Município (Setransp), Edvaldo Rosas.

Durante o encontro, o prefeito Luciano Agra confirmou que ainda esta semana estará renovando, por exemplo, o convênio que garante cursinho gratuito pré-vestibular para estudantes da rede pública. O curso, realizado há seis anos pela UFPB, é mantido com recursos da PMJP e só em 2010 ofereceu 300 vagas a alunos que pretendem entrar na universidade.

“Esse é um convênio que vamos renovar de imediato porque garante que estudantes da rede pública de ensino possam ter condições de frequentar um cursinho pré-vestibular e com isso poderem ter maiores condições de garantir uma vaga na universidade”, enfatizou o prefeito, lembrando que o cursinho também é aberto a funcionários do Município.

Luciano Agra e Rômulo Polari ainda discutiram a possibilidade da administração municipal intervir na viabilização do credenciamento do Hospital Universitário Lauro Wanderley junto ao Sistema Único de Saúde para a realização de cirurgias bariátricas e cardíacas. “A partir desse credenciamento poderemos ter possibilidades de ampliar o número de cirurgias realizadas pelo HU nestes dois tipos de procedimentos”, ressaltou o reitor.

Outra proposta que deverá ser ainda estudada entre a PMJP e a UFPB é de uma atuação em conjunto de utilização do prédio onde funcionava a antiga Faculdade de Medicina, na Rua Visconde de Itaparica, no Centro da Capital. O objetivo é instalar uma unidade de ensino voltada à prática profissional e atendimento à população que reside na região, como os moradores do Varadouro e Cordão Encardanado.