Luciano Cartaxo destaca participação feminina na gestão e construção de políticas públicas para mulheres

Por Flávio Asevêdo - em 513

Reunindo representantes de 16 municípios do Litoral paraibano, o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, participou, no final da manhã desta quarta-feira (13), do 1º Fórum Metropolitano de Políticas Públicas para Mulheres, no auditório da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. Com mulheres no protagonismo da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), encabeçando pastas prioritárias da gestão, como Planejamento, Habitação, Educação, Saúde, Emprego, Trabalho e Renda, o prefeito destacou a importância das mulheres no trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2013 na Capital e reforçou o compromisso com a construção de uma cidade mais igualitária e com direitos iguais para todos.

“Nossa gestão tem tido uma leitura importante com relação ao futuro de João Pessoa que está sendo construído hoje e essa construção passa efetivamente por a gente ter espaços importantes da nossa gestão sendo ocupados por mulheres. Temos não apenas mulheres em posição de destaque dentro da gestão, mas também uma Secretaria de Políticas Públicas para Mulheres, atuante e articulada com as demais secretarias, gerando a capacidade de apresentar resultados muito importantes em todas as áreas. Este encontro é um espaço valioso para a discussão de gênero, para pautar esta discussão no dia-a-dia. Precisamos criar cada vez mais mecanismos de participação e políticas claras, definidas e que sejam realmente colocadas em prática”, afirmou Luciano Cartaxo.

O prefeito também destacou algumas das ações desenvolvidas pela atual gestão voltada para as mulheres como, por exemplo, a cirurgia reparadora realizada no Hospital Santa Isabel, para vítimas de violência, o Centro de Referência da Mulher, que oferece os serviços de advogadas, psicólogas e assistência social para ajudar as mulheres a saírem do ciclo da violência, a liberação de créditos através do Banco Cidadão para as mulheres empreenderem e ganharem a autonomia financeira, o projeto Sereias da Penha, entre outros. “Na educação, a secretária Edilma está fazendo uma revolução nas creches da nossa cidade, dando oportunidade às mães de buscarem o mercado de trabalho. Na Habitação, já passamos de 5.600 apartamentos entregues e as chaves são entregues às mulheres. E, na última semana, demos ordem de serviço para a construção da ‘Casa Mãe Bebê’, mais uma ação que garantirá um cuidado e atenção mais especial às mulheres que tiverem seus bebês no Instituto Cândida Vargas e que precisam continuar internados”, disse Luciano Cartaxo.

O primeiro encontro teve debate central sobre os desafios dos mecanismos de políticas públicas para mulheres e contou com a participação da primeira secretária de Estado da Mulher, em Alagoas, Vanda Menezes. Também houve uma discussão sobre gestão pública e orçamento. Participaram do encontro, representantes dos municípios de Bayeux, Cabedelo, Conde, Cruz do Espírito Santo, Lucena, Mamanguape, Rio tinto, Santa Rita, Alhandra, Pitimbú, Capoorã, Pedras de Fogo, Baía da Traição, Capim, Sumé e Mari.

A secretária de Políticas Públicas para Mulheres de João Pessoa, Lídia Moura, falou sobre o encontro e a contribuição que João Pessoa dá às demais cidades do Estado. “Essa é uma tarefa importante porque nós de João pessoa queremos trocar experiência com os municípios da região metropolitana, porque somos muito próximos, nossos problemas são similares e nossas soluções podem ser encontradas conjuntamente também. Esse é o propósito, o espírito do encontro, que vai verificar as experiências de cada um e a partir daí formularmos políticas amparadas nas experiências exitosas de cada uma das cidades. João Pessoa por ser a Capital, município com mais recursos, obrigatoriamente está mais avançada e já tem há bastante tempo tanto na forma de coordenadoria, como de secretaria, a elaboração de políticas públicas para as mulheres”, afirmou.