Luciano debate projetos municipais de políticas públicas com ministra

Por - em 42

A ministra da Secretaria Especial de Políticas Públicas para as Mulheres, Iriny Lopes, chega a João Pessoa nesta sexta-feira (22) para audiência com o governador Ricardo Coutinho e o prefeito Luciano Agra. Em seguida a ministra visitará o Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra, serviço especializado no atendimento às mulheres em situação de violência de João Pessoa.

O encontro com o prefeito Luciano Agra acontecerá às 11h30, no Palácio da Redenção e tem o objetivo de discutir as políticas públicas para as mulheres implantadas no município.

À tarde, a ministra se reúne com o movimento de mulheres, deputadas, prefeitas, vereadoras e gestoras de organismos de políticas para as mulheres, para discutir temas ligados à autonomia das mulheres e sobre a III Conferência de Políticas Públicas para as Mulheres. O encontro acontece a partir das 14h, na sede da Federação das Associações de Municípios (Famup), localizada no bairro de Tambauzinho.

Segundo a secretária de Políticas para as Mulheres da Prefeitura de João Pessoa, Nézia Gomes, a visita da ministra a João Pessoa fortalece o debate e o trabalho sobre as políticas que vem sendo implementadas na Paraíba. “Será um momento, onde teremos a oportunidade de apresentar, mais de perto, as ações e políticas que já foram realizadas nestes seis anos de gestão. Será também momento de estimular a realização da Conferência, ponto mais importante do debate e construção de políticas que garantam cidadania para todas as mulheres”, afirmou a Secretária.

Sobre o serviço – O Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra é um serviço da Prefeitura de João Pessoa (PMJP), vinculado à Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para as Mulheres, que oferece atendimento psicológico, social e jurídico às mulheres vítimas de violência.

Além da assistência da equipe técnica, as mulheres contam também com atividades pedagógicas e de arte-terapia. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, na Rua Afonso Campos, 191, Centro, e também através do telefone 0800 283 3883.

Biografia – Iriny Lopes é a ministra-chefe da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres. É uma militante das causas de direitos humanos, habitação e meio ambiente. Com 19 anos, Iriny Lopes iniciou sua militância no movimento popular, junto com os moradores da região de Paul e São Torquato, no Espírito Santo (ES), que se mobilizavam contra a poluição do pó de minério.

Ela se integrou também à luta por transporte público e nas manifestações de mulheres contra a carestia e o direito à água. Eleita deputada federal em 2002, e reeleita em 2006, ela integrou a Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) e também o Conselho de Ética da Câmara. Em 2009, foi indicada relatora da CPI das Escutas Telefônicas Clandestinas.

Iriny Lopes está à frente da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres desde o início do mandato da presidenta Dilma Roussef .