Mangabeira ganhará unidade da UFPB e Centro de Línguas

Por - em 72

O bairro mais populoso de João Pessoa vai ganhar, no próximo ano, uma unidade de ensino, pesquisa e extensão da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), além do Centro de Línguas e Matemática. A decisão atende a uma solicitação do prefeito Ricardo Coutinho (PSB), que em maio do ano passado sugeriu ao reitor Rômulo Polari a criação de um curso de graduação na área de gestão pública e que tivesse como sede o bairro de Mangabeira. O anúncio do novo equipamento foi realizado na tarde desta quarta-feira (23), dia que o bairro comemora 25 anos de fundação.

O reitor Rômulo Polari foi até o gabinete do prefeito, no Centro Administrativo Municipal (CAM), em Água Fria, anunciar a criação do Centro de Tecnologia e Desenvolvimento Regional, que será instalado no prédio do Núcleo de Pesquisa Processamento de Alimentos (Nuppa), em Mangabeira VII.

No local, irão funcionar os cursos de graduação em Gestão, Planejamento e Finanças do Setor Público; Tecnologia de Produção Sulcroalcooleira e Tecnologia de Produção de Origem Animal, além do Centro de Línguas e Matemática, para auxiliar na formação educacional dos estudantes da rede pública de ensino do município.

Orçamento – Ele explicou que o projeto inicial está orçado em R$ 4,3 milhões, que serão investidos na instalação do curso de Planejamento e Finanças do Setor Público e do Centro de Línguas e Matemática. A previsão é que em ambos as aulas tenham início no primeiro semestre de 2009. Para tanto, o novo curso de graduação já será inserido no próximo Processo Seletivo Seriado (PSS-2009), com a oferta de 100 vagas.

Os outros dois cursos de graduação serão instalados em 2010 e 2011. No total, serão investidos cerca de R$ 30 milhões, em quatro anos. O projeto conta com recursos do Governo Federal, através do Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni).

Pioneirismo – O curso de graduação em Gestão, Planejamento e Finanças do Setor Público será o primeiro do país na área. Rômulo Polari destacou a preocupação do prefeito Ricardo Coutinho com a formação de profissionais capacitados para atuarem nesse campo. “Sabendo que a Universidade está com projeto de expansão, o prefeito nos procurou e solicitou a criação do novo curso em uma área essencial para a cidade, como Mangabeira”, contou.

Para atender as demandas dos novos cursos, Polari disse que será feito um concurso público ainda este ano para a contratação de cerca de 40 professores e 30 servidores técnico-administrativos. Em um outro momento, ele disse que também será criado o curso de Gestão, Planejamento e Finanças do Setor Privado. Este está sendo planejado para funcionar no Campus da UFPB do Litoral Norte.

Projeto – O prefeito Ricardo Coutinho destacou o crescimento do setor público no País e a falta de um profissional com uma formação específica para atender essa demanda. Ele citou o exemplo do Sistema Único de Saúde (SUS) que vem contribuindo para a melhoria dos indicadores sociais brasileiros e que influenciou a criação da especialidade em Saúde Pública. “Nós sabemos como é importante investir no setor público porque é um investimento perpétuo, que vai continuar a existir em qualquer que seja a gestão”, destacou.

Além disso, Ricardo Coutinho ressaltou a importância da criação de um Centro de Línguas no município, que irá contribuir com a formação dos estudantes do ensino público. O Centro vai oferecer aulas de Português, Inglês, Espanhol e Francês. O local também será destinado às aulas de Matemática para o Ensino Fundamental e contará com 1,2 mil vagas.