Milhares de pessoas assistem ao show de Zé Ramalho em Tambaú

Por - em 30

Nem a chuva que caiu na noite de sábado (9) na orla desanimou as milhares de pessoas que foram até o busto de Tamandaré, na divisa das praias de Cabo Branco e Tambaú, para curtir os shows de Zé Ramalho e Paulo Vinícius, dentro da programação do Festival ‘Estação Nordeste’. O festival, que é promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Fundação Cultural (Funjope), segue até o dia 30 deste mês, com o lema ‘Dias de Sol, Noites de Som’.

O show teve inicio com o cantor Paulo Vinícius, sergipano radicado na Paraíba desde os anos 70, que apresentou hits autorais presentes no CD “Em Todos os Sentidos”, fazendo o público vibrar com baladas e ritmos nordestinos. Ele também levou ao palco convidados como Hugo Leão e Diana Miranda.

A grande atração da noite, o paraibano Zé Ramalho, subiu ao palco muito aplaudido pelo público, que embaixo de chuva vibrou com a interpretação da música “Disparada”, de Geraldo Vandré. Na metade da apresentação a chuva deu uma trégua e ao som de velhos sucessos como “Avohai”, “Vila do Sossego”, “Chão de Giz”, “Garoto de Aluguel” e “Admirável Gado Novo”, a multidão cantou acompanhando os refrões. “É um prazer muito grande voltar à João Pessoa, todo ano venho aqui, até porque tenho residência aqui. Gosto mais quando tenho essa oportunidade de me apresentar aqui na cidade”, disse Zé Ramalho.

Sobre o ‘Estação Nordeste’, o cantor destacou o prazer de se apresentar para o público de sua terra. “Esse programa é maravilhoso. Festa de qualidade para as pessoas, gratuitamente. Meu encontro com meu público paraibano, que gosta do meu trabalho. Tem um gosto especial em tocar pra eles, dar esperança, carinho e amor para o público daqui é muito especial pra mim. Sempre será”, finalizou Zé Ramalho, que já soma mais de 30 anos de carreira e 23 discos gravados.

Grandes atrações – Para Glória Ramalho, moradora do bairro de Miramar, e que é fã de Zé Ramalho, a atração não poderia ser melhor. “Estou adorando. Acho uma boa idéia para dar diversão a todos”, disse. Já Noaldo Araújo, que é pessoense, mas há cinco anos mora em Maceió e está passando férias na Capital, elogiou não só a atração da noite, mas, principalmente o Estação Nordeste. “Esse evento que deveria ser copiado por várias prefeituras do Nordeste, pois ele dá condições ao povo de ganhar dinheiro e ter diversão”, afirmou Noaldo.

O diretor executivo da Funjope, Chico César, avaliou como positiva a participação do público nos dois primeiros finais de semana de ‘Estação Nordeste’, como também em toda a programação de fim de ano promovida pela Prefeitura da Capital. “Há quem diga que Jorge Bem Jor foi um Réveillon fora de época e aí tivemos Moska, que foi um show arrebatador no Ponto de Cem Réis, com muita gente também focada na apresentação de Eleonora Falcone. Agora, na apresentação de Paulo Vinícius, onde mesmo com chuva o povo não foi embora, e Zé Ramalho com um show brilhante. Acho que estamos em um momento de celebração”, disse Chico César.

O ‘Estação Nordeste’ acontece durante o mês de janeiro, no palco instalado entre as praias de Cabo Branco e Tambaú e no Ponto de Cem Reis, sempre as sextas e sábados, com atrações grandes atrações da música brasileira, a exemplo de Gilberto Gil, ‘Pinduca – O rei do carimbó’, Daniela Mercury, Mutantes e Pitty.