MinC e Funjope farão convênios para fortalecer cultura popular

Por - em 46

Integrantes do Ministério da Cultura (MinC) estiveram presentes na Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) para apresentar o projeto ‘Cultura Viva’ e as ações da Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural. Na reunião, que contou com o diretor executivo da instituição, Chico César, foi enfatizado o interesse do Governo Federal em firmar convênios com a Capital, principalmente na área de cultura popular.

O assessor da Representação Nordeste do Ministério da Cultura, Jorge Edson Garcia, fez explanações sobre a formalização de convênios com a Prefeitura de João Pessoa. O objetivo é lançar editais que possibilitem a seleção de 20 pontos de cultura na cidade. “Temos todo o interesse do mundo e estamos ávidos por parcerias com a Funjope”, destacou.

A Secretaria de Identidade e Diversidade Cultural (Sid) foi apresentada pelo secretário Américo Córdula. O fomento do órgão está direcionado, atualmente, aos seguintes segmentos: Indígena, Culturas Tradicionais, Ciganos, GLBT, Diversidade Etária, Saúde e Cultura.

Para Chico César, o contato entre as duas instituições será cada vez mais constante. “Os contatos permanentes com o Minc vão fortalecer e ampliar as ações já desenvolvidas pela Funjope, assim como facilitar a implantação de novos projetos”, afirmou

Também esteve presente na reunião o diretor executivo adjunto da Funjope, Milton Dornellas, e a chefe da Divisão de Convênio da instituição, Fernanda Svendsen.

‘Cultura Viva’ – O Programa Cultura Viva foi lançado em julho de 2004, a partir da constituição de uma rede orgânica de criação e gestão cultural, que exercita novas práticas na relação entre Estado e sociedade. A iniciativa parte do princípio de que a cultura é feita pela sociedade e, portanto, cabe ao poder público potencializar essas ações.

O programa passou por um processo de descentralização, previsto no projeto ‘Mais Cultura’, expandindo suas ações. Com isso, foi ampliada a quantidade de pontos de cultura beneficiados em todo o País, que são entidades da sociedade civil, com ações de caráter sociocultural já em andamento.

Identidade e Diversidade Cultural – O Minc desenvolve as atividades da Secretaria de Identidade e Diversidade Cultural (SID) de acordo com a Convenção Sobre a Proteção e a Promoção da Diversidade das Expressões Culturais. Esses dois focos foram determinados em assembléia geral no dia outubro de 2005, e promulgada no Brasil pelo Decreto-Lei 6.177, de agosto de 2007.

Por meio da Secretaria da Identidade e da Diversidade Cultural, o Minc desenvolve um trabalho de divulgação da Convenção sobre a Proteção. Esta é uma forma de fazer com que o conteúdo e os objetivos sejam apreendidos por toda a sociedade brasileira, especialmente pelos gestores públicos e privados de cultura. Dentro desse contexto, está sendo promovida uma série de seminários em diversas regiões do País, com o título ‘Diversidade Cultural – entendendo a Convenção’.