Moradores do João Paulo II e região participam de diversas ações de saúde e cidadania

Por Jô Vital - em 1469

Lucicleide Rufino fez o teste de glicemia na manhã deste sábado (5). A dona de casa, moradora do João Paulo II, teve a oportunidade de receber as orientações das equipes da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), durante as atividades da Ação de Saúde e Cidadania, que ofertou diversos serviços para os moradores do João Paulo II, Citex e comunidades da região. As equipes da Secretaria Municipal de Saúde montaram tendas ofertando serviços de prevenção e orientação.

Durante toda manhã, a população teve acesso a atendimentos médico, odontológico e de enfermagem, orientação nutricional, testes rápidos, vacinação, fisioterapia, auricoloterapia, além de serviços sociais como corte de cabelo, doação de mudas de plantas, atendimento móvel do Procon-JP, Banco Cidadão, Ouvidoria Municipal e atrações culturais.

Lúcia Evangelista de Alexandria já se trata com a auriculoterapia, uma técnica da medicina chinesa, que estimula pontos na orelha para tratar o corpo. Na tenda, ela foi atendida por Isabel Cristina, que é da equipe da Secretaria de Saúde do Citex, da Unidade Integrando Vidas, no João Paulo II. “Por causa desse tratamento, eu já consegui reduzir as dores na coluna e até os sintomas de labirintite”, afirmou Lúcia.

A especialista em agroecologia Maria do Carmo de Amorim trabalha com plantas medicinais nas Unidades de Saúde da Família, orientando as pessoas para que façam uso das plantas medicinais. Ela levou uma cesta repleta de mudas de hortelã da folha grossa, boldo, camomila, erva cidreira, entre outras. Maria do Carmo trabalha em sete postos de Unidades de Saúde da família e, na unidade do Grotão, já tem uma equipe consolidada, que atua para a prevenção da saúde utilizando as plantas. Na manhã deste sábado, a população recebeu orientações e levou para casa uma muda de planta medicinal.

E como a diferença entre o veneno e o remédio é a dose, os profissionais da saúde aproveitaram que hoje é o Dia Nacional do Uso Racional de Medicamentos e orientaram as pessoas que passaram pela tenda sobre os cuidados para evitar a automedicação.

Os moradores do João Paulo II também receberam mudas, distribuídas pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), da PMJP. Os viveiristas levaram 150 mudas de árvores nativas, entre ipês amarelos, castanheiras, castanheira do Maranhão e ipê de jardim. Amaro Feitosa da Silva aproveitou para levar uma muda. O aposentado mora no João Paulo II e pretende plantar a árvore no quintal de casa. Amanda Guimarães e Géssica Lopes também levaram mudas. “Para a gente, é muito importante o plantio, para que a gente tenha sombra em casa. Isso ajuda a deixar a casa mais bonita, o quintal mais fresquinho. É sempre bom uma árvore, destacou Amanda.

Promoção à Saúde – Desde o ano passado, a PMJP beneficiou com as ações em saúde mais de 15 mil famílias, realizando 7 mil atendimentos. As atividades são realizadas sempre aos sábados, com o objetivo de ofertar à população os serviços oferecidos pela gestão municipal que, muitas vezes, as pessoas não têm tempo de procurar nos dias de semana.

Parceria – O evento é uma realização da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e Habitação (Semhab), com a participação da Semam, secretarias de Desenvolvimento Social (Sedes), Desenvolvimento Urbano (Sedurb), de Políticas Públicas para as Mulheres (SEPPM), Juventude, Esporte e Recreação (Sejer), Proteção e Defesa do Consumidor (Procon JP), Instituto de Previdência Municipal (IPM) e Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope).