Obras de reurbanização da Praça do Esplanada estão em fase final

Por - em 39

As obras de reurbanização da praça Professor Adolfo Magalhães Neto, no Bairro Esplanada, é o resultado da mobilização da população em busca de melhores condições de vida e lazer para a comunidade junto a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP). A previsão da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) é que até o final do mês de maio os moradores já possam usufruir plenamente do novo espaço. A ação dá sequência ao Programa de Implantação de Praças desenvolvido pelas Secretarias de Planejamento (Seplan), Infraestrutura (Seinfra) e Desenvolvimento Urbano (Sedurb).

Única área de lazer coletiva do bairro, a conclusão da reurbanização está sendo bastante aguardada pelos moradores e principalmente pelos estudantes da Escola Municipal Anísio Teixeira, que utiliza o espaço para atividades recreativas. A praça é localizada na rua Luzia Otávia de Oliveira.

Os esportistas já comemoram a construção de uma quadra poliesportiva, com alambrados de proteção, construída onde antes existia uma quadra de areia. O espaço ocupado pela sede da associação do bairro cedeu o seu lugar a uma academia ao ar livre. Os brinquedos de ferro foram substituídos pelos de alvenaria, pintados com cores alegres e adequadas à satisfação e bem estar dos pequeninos.

O antigo Posto Policial foi demolido e no local vai ser foi construído um prédio com melhores condições de trabalho para policiais. O quiosque de lanches também foi reformado. Toda a parte elétrica e hidráulica foi reestruturada. A praça Professor Adolfo Magalhães ganhou nova iluminação ornamental, bancos, mesas com jogos e jardinagem, se tornando mais atrativa para esportistas e toda a comunidade.

Segundo o presidente da Associação dos Moradores do Conjunto Esplanada I, II e Nova Trindade III, Josélio Costa da Silva, “é uma nova praça”. “A reurbanização da praça vai proporcionar aos moradores do Esplanada e de bairros adjacentes a verdadeira cidadania, pois vai passar a oferecer condições adequadas à prática esportiva e o direito ao lazer”, reforçou.