Obras do Cecaf na Capital devem ser concluídas ainda este ano

Por - em 70

O secretário de Desenvolvimento Urbano de João Pessoa (Sedurb), Lucius Fabiani, apresentou ao secretário de Desenvolvimento Territorial, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA), Jerônimo Rodrigues Souza, o canteiro de obras da Central de Comercialização de Agricultura Familiar (Cecaf), no bairro José Américo. A visita aconteceu na tarde desta quinta-feira (16). A comitiva foi formada ainda por técnicos e assessores ligados ao MDA na Paraíba, além de funcionários da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).

“Nós temos os produtos, temos a rede por onde escoar essa produção e agora teremos a central de distribuição. Precisamos apenas chegar à melhor forma de estruturar a gestão, e, para isso, o diálogo com as cooperativas de agricultores e os órgãos municipais e federais será fundamental neste momento”, disse Lucius Fabiani.

A primeira etapa da Cecaf será concluída, segundo Lucius Fabiani, no final deste ano. A partir de então, o local já poderá ser utilizado pelos agricultores familiares. “O projeto da segunda etapa, que contempla um parque de eventos, um estacionamento e uma praça pública (para a comunidade local) já foi aprovado”, adiantou o secretário municipal. O investimento total da obra, que conta com a parceria do Governo Federal, por meio do MDA, é na ordem de R$ 1,9 milhão, sendo que R$ 530 mil são recursos da PMJP.

A Prefeitura de João Pessoa, além da contrapartida financeira, também doou o terreno onde o Cecaf está sendo construído e entregou, em setembro passado, seis veículos destinados ao uso da Central: um caminhão Worker, uma camionete S10, um Celta e três motoclicletas.

Durante a visita, o secretário de Desenvolvimento Territorial observou o andamento da obra e falou sobre a necessidade de se planejar a gestão da Central, de maneira que, além de dar ao agricultor familiar a possibilidade de comercializar o seu produto diretamente com o consumidor, permita que ele permaneça no campo. “Esse espaço será uma referência para o país, então precisa cumprir todos os requisitos para que funcione bem.”, ressaltou Jerônimo Rodrigues.

O objetivo do Cecaf é promover a autonomia e a apropriação de renda real dos agricultores familiares quanto à comercialização de seus produtos, isto é, oferecer condições de escoamento da produção sem a presença do intermediário.