Oficinas e espetáculos integram 1ª Mostra Teatro em Aids

Por - em 50

Estimular a produção cênica e ao mesmo tempo incentivar uma nova forma de debater e informar a respeito das Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST’s) e Aids. Esse é o objetivo da 1ª Mostra Teatro em Aids, que a Secretaria Municipal de Saúde promove em parceria com a Seção de DST/Aids e o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), nesta quinta (8), na sexta-feira (9) e no sábado (10), a partir das 8h, no Hotel Netuanah, em Cabo Branco.

Durante os três dias, alunos das escolas públicas municipais e profissionais que desenvolvem trabalhos em teatro com temática voltada para DST/Aids terão oportunidade de participar de oficinas de expressão corporal, dramaturgia, percussão e interpretação. Todas as aulas serão ministradas por profissionais especializados na área de artes cênicas.

Para o coordenador da Seção de DST/Aids, Roberto Maia, essa é uma ferramenta importante no sentido de levar informação para um maior número de pessoas de uma forma diferente e eficaz. Durante a mostra, haverá três encenações produzidas com a temática em DST/Aids.

Nesta quinta-feira (8), às 13h, vai ser encenado o espetáculo “Boi de Feira”, do grupo de teatro da Associação de Prevenção à Aids – Amazona, com texto dirigido para o público adolescente. Na sexta-feira (9), às 17h, é a vez da peça “Libido”, da Associação Paraibana de Profissionais do Sexo (APROS); e no sábado (10), às 8h, o grupo de teatro do CTA apresenta “Dona Dora”, com temática voltada para o público da terceira idade.