Olimpíada Brasileira de Robótica começa neste sábado na Capital

Por - em 47

A V Olimpíada Brasileira de Robótica (OBR) será aberta oficialmente neste sábado (11), às 9h, no primeiro pavimento da Torre Mirante da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano. A entrada é gratuita, pública e sem fins lucrativos destinada a despertar o interesse de alunos e professores por ciência e tecnologia com foco principal na robótica para inclusão tecnológica.

Após a abertura oficial, haverá a leitura pública das regras da competição, a demonstração de como será o processo de arbitragem e divulgação dos resultados. Em seguida, serão preparadas as arenas de competição, sorteio das equipes e dos juízes das partidas.

Serão três rodadas em que participam todas as equipes. A primeira tem início às 10h, com as 47 equipes do ensino fundamental e cinco equipes do ensino médio e técnico, valendo, neste caso, a maior nota que será exibida no placar eletrônico instalado nas quatro arenas montadas para a competição.

A segunda rodada será às 13h e a terceira tem início às 15h, com o mesmo procedimento da primeira, em que passa a valer a maior nota das três rodadas. Às 17h, o organizador local conduzirá a cerimônia de premiação das equipes.

O coordenador da Olimpíada na Paraíba, Fagner Ribeiro, disse que se inscreveram 47 equipes do nível I e cinco equipes do nível II. “Isso foi uma grande surpresa para nós, pois no ano passado a Paraíba teve um dos menores números de participantes”, comentou.

Quem for a Estação Cabo Branco neste sábado vai ser recepcionado por um robô dinossauro de aproximadamente 12 metros, construído pelos estudantes do Colégio Pio XI, que já trabalham com a robótica há nove anos.

A Olimpíada acontecerá em três tipos de provas, duas teóricas (a Teórica e a Duathlon) e uma prática. A “Prova Teórica” será feita com alunos do ensino fundamental que ainda não tiveram vivência com robótica, e a “Prova Duathlon” para jovens do ensino médio e técnico que também não tiveram contato. Por fim, os alunos que já têm acesso à robótica, através dos kits educacionais, farão a prova prática na Estação Cabo Branco, no dia 11 de junho. A final será em São João Del Rei (MG), no período de 18 a 21 de setembro.

A OBR é uma parceria entre a Universidade Estadual Paulista (Unesp), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Prefeitura Municipal de João Pessoa e Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes. O diretor de gestão educacional, Wetervan Fernandes, observa a olimpíada como a possibilidade de ampliar as fronteiras da Paraíba e da própria Estação Cabo Branco no campo da robótica e tecnologia.

O evento faz parte das olimpíadas científicas, que promovem olimpíadas de matemática, física, história do Brasil, química, astronomia e astronáutica. O evento tem o objetivo de atuar como instrumento para melhoria do ensino fundamental e médio, bem como identificar jovens talentos que possam ser estimulados para carreiras técnico-científicas.

O coordenador local, representando a Paraíba, Fagner Ribeiro, disse ainda que a olimpíada vai dar visibilidade à Estação por ser pioneira, no Estado, em sediar um evento dessa natureza e de grande importância para incentivar os estudantes estimulando-os a carreira técnico-científica.

Mais informações no endereço eletrônico www.obr.org.br, pelos telefones 3214.8303/8270 ou pelo e-mail fagnertrabalho@bol.com.br.

SERVIÇO:

V OLÍMPIADA DE ROBÓTICA

Dia: Sábado (11 de junho)

Hora: 9h

Local: Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, no Altiplano

 

CONTATO PARA IMPRENSA:

Fagner Ribeiro (coordenador regional da Olimpíada)

Fone: 8825.0404

Email: fagnertrabalho@bol.com.br