Os Nonatos empolgam o público em show no Ponto de Cem Réis

Por - em 37

O palco montado no Ponto de Cem Réis para a Festa das Neves, nesta terça-feira (4), foi tomado pelo romantismo de Os Nonatos, que se apresentaram pela primeira vez em João Pessoa. A dupla iniciou o show pontualmente à meia-noite e empolgou a multidão que compareceu ao local. Caravanas de fã clubes de outras cidades do estado marcaram presença para prestigiar o show dos cantores e compositores que já tem mais de 20 anos de carreira.

Com as mãos levantadas o público cantou e dançou sucessos da dupla como “Difícil demais” e “Mudar pra quê?”. “Muitos de vocês já estiveram conosco em outras cidades, pois ainda não tínhamos tido a oportunidade de estar em João Pessoa. É um orgulho estar comemorando o aniversário da cidade”, disse Raimundo Nonato Neto.

A primeira atração da noite foi o Forró Zoar, com o chamado forró estilizado. A banda foi seguida pela cantora e compositora paraibana Graçinha Telles, que trouxe um repertório eclético e dançante indo da MPB romântico ao rock, incluindo composições próprias e sucessos de Cazuza, Chico Cezar e Erasmo Carlos.

Lapinha e Mamulengos – No espaço dedicado à cultura popular, na noite de terça-feira (3), também se apresentou a Lapinha Jesus de Nazaré, de Mandacaru, um trabalho do Mestre Maciel, e a Lapinha Bom Jesus, do bairro do Cristo. A lapinha de uma brincadeira popular tradicional, trazida para o Brasil pelos jesuítas e que também é uma disputa entre os cordões azul e vermelho. Participam dos grupos dezessete componentes, entre crianças e adolescentes.

No teatro de mamulengos, o público riu e se divertiu com as histórias e confusões dos personagens Nego Benidito, a Cobra, Padre João do Queixo Fina e outros do Babau Joaquim Guedes. A atração é um dos expoentes do gênero em João Pessoa e atraiu crianças e adultos que interagiram com os bonecos durante a apresentação.