Palestra: Ricardo destaca obras e políticas que mudaram JP

Por - em 41

As experiências do prefeito Ricardo Coutinho (PSB) como gestor público da cidade de João Pessoa foram o principal tema de um fórum de debates, promovido pela Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande (ACCG), na tarde desta terça-feira (12), na sede do órgão, no Centro da cidade. Na platéia, empresários, jornalistas e representantes da sociedade em geral.

Durante quase duas horas, o prefeito apresentou uma prestação de contas dos mais de três anos de administração e destacou as medidas que foram necessárias para equilibrar as finanças da Prefeitura da Capital e resgatar a confiança da comunidade na administração pública.

“Ao encontrar uma Prefeitura endividada e sem dinheiro em caixa, a meta foi traçar um plano de governo com redução de gastos e honrar com o pagamento dos fornecedores. Com isso, conseguimos devolver o caráter de confiança e a partir daqui começamos a desenvolver nosso projeto para João Pessoa”, disse Ricardo.

Durante o seu pronunciamento, o prefeito ressaltou que os conceitos que a atual gestão definiu como base. Entre eles está a responsabilidade social. A Prefeitura tem feito parceria com para executar obras necessárias para o desenvolvimento econômico da cidade, a exemplo da ampliação do Retão do Manaíra e a construção do Centro de Comércio do Varadouro. “Também definimos a participação popular com uma das prioridades. Criamos o Orçamento Democrático (OD), realizamos várias plenárias populares, comitês das praças, a Secretaria de Transparência e a criação do Conselho de Transparência e combate à corrupção. O povo vem caminhando junto com a administração pública na construção de uma nova formar de governar”, reforçou o prefeito.

Desenvolvimento econômico – Em relação aos projetos de emprego e renda, o prefeito falou sobre o Empreender-JP, que em pouco mais de 2 anos e 8 meses já investiu 8,5 milhões de reais em diversas linhas de créditos voltadas para as mulheres, jovens e o cinturão verde. “Para se ter idéia do sucesso desse programa, no ano de 2005 o produto interno bruto (PIB) de João Pessoa foi de 14,8%. Nos quatro anos anteriores, esse percentual era de 11%”, explicou.

Na educação, a atual gestão vem investindo em construção e reformas de escolas e creches. O total aplicado em recursos próprios é de R$ 16 milhões para construção de nove escolas e R$ 3,8 milhões para 14 Centros de Referência de Educação Infantil (CREIS). “A nossa meta é erradicar o analfabetismo, com educação de qualidade. Um dos projetos que a PMJP vai investir agora é um modelo cubano ‘Sim, eu posso’ de alfabetização de adultos, que será desenvolvido primeiramente na escola que está sendo construída no condomínio Gervásio Maia”, informou.

Em relação à saúde, os investimentos foram concentrados na construção e reformas de Unidade de Saúde da Família, ampliação do Serviço Móvel de Urgência (Samu), além de políticas públicas para o bem estar do idoso.

Política Habitacional – O Condomínio Gervásio Maia, a construção de três mil casas e a substituição de casas de taipa por alvenaria foram os destaques da explanação do prefeito. A mudança na qualidade de vida da população a partir da construção de oito praças também foi um dos focos da palestras. Os equipamentos públicos, onde foram aplicado mais de R$ 7 milhões em recursos próprios, contribuem não só para o lazer, mas principalmente para diminuir o estresse e a violência”, lembrou Ricardo Coutinho. Também foram citados os projetos de inclusão digital e a construção da Estação ciência, Cultura e Artes, que vai desenvolver economicamente a área do farol do Cabo Branco.

Ricardo Coutinho finalizou a apresentação afirmando que uma boa administração se faz com a participação do povo e com um projeto de governo sério. “Não há uma cartilha de como administrar. Há, sim, uma vontade enorme de fazer o certo. Já fizemos muito, mas isso só foi o começo. O nosso caminho começou a ser percorrido agora. Temos muito ainda muitas aspirações”, concluiu o prefeito, que foi bastante aplaudido pelo público presente.

Na platéia, estiveram presentes o presidente da ACCG, Alexandre Moura; o deputado estadual Guilherme Almeida (PSB) e o presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande (CDL), Artur Almeida.