Peti faz encontro e discute danos do trabalho infantil, nesta quinta

Por - em 23

Com o objetivo de discutir o marco legal e os danos causados pelo trabalho infantil, cerca de 250 adolescentes e educadores do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) participam nesta quinta-feira (29) do 1º Encontro Protagonismo Juvenil no Combate ao Trabalho Infantil, que acontecerá das 8h às 17h na Escola Piollin, localizada na Rua Sizenando Costa, 57, Roger.

A diretora de Assistência Social da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), Francisca Fernandes, explicou que a intenção é aprofundar a discussão sobre o trabalho infantil na cidade de João Pessoa com os maiores interessados, as crianças e adolescentes atendidos pelo Peti, buscando democratizar a atuação do programa e consequentemente qualificar esse debate. “Será um momento para que eles indiquem, a partir de sua percepção do Peti, algumas ações prioritárias para execução em 2009”, acrescentou.

O evento encerra a quarta edição do Festival de Esportes e Artes 2009 (Festesart), que durante todo o mês de janeiro vem proporcionando aos meninos e meninas atendidos pelo Peti, uma série de atividades recreativas, esportivas e artístico-culturais durante o período de férias escolares.

Sobre o Festesart, Francisca afirmou que o evento é uma continuação das atividades que a Sedes desenvolve durante todo o ano com esse público. “É uma oportunidade a mais de lazer que a Prefeitura de João Pessoa oferece, com atividades especiais para desenvolver a interação, sociabilidade e as relações interpessoais”.

O Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) atende atualmente 3.112 crianças e adolescentes com idades de 7 a 15 anos de idade, retirados de condições de trabalho consideradas perigosas, penosas, insalubres ou degradantes. Em 28 núcleos, esses meninos e meninas realizam no horário oposto ao da escola uma série de atividades de esporte, lazer e sócio-educativas que contribuem para o desenvolvimento físico e mental sadios.

Como reconhecimento as ações desenvolvidas, o Peti administrado pela Prefeitura de João Pessoa (PMJP) recebeu em 2008 prêmio do projeto ‘Educando através do Esporte’, promovido pelo Instituto Alpargatas.