Plano de combate a dengue é integrado por vários órgãos

Por - em 50

O Plano de Contingência da dengue para 2010 foi discutido durante reunião realizada nesta sexta-feira (30) pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), através da Diretoria de Vigilância à Saúde, com vários setores e instituições que integram o Comitê Municipal de Combate a Dengue. A SMS pretende dar continuidade aos baixos índices da doença obtidos no ano de 2009, quando houve uma redução de mais 80% no número de casos registrados.

O Plano de Contingência para 2010 mantém a proposta do trabalho intersetorial e interinstitucional iniciado este ano. Estão formalmente indicados para compor o comitê municipal de combate a dengue representantes da Diretoria de Vigilância, Diretoria de Atenção, Distritos Sanitários, Emlur, Secretaria do Meio Ambiente, Hospital Santa Isabel, Secretaria de Gestão e Articulação Política, Secretaria de Transparência Pública, Orçamento Democrático, Hospital do Valentina de Figueiredo, Hospital Edson Ramalho, Secretaria Municipal de Educação, Instituto Cândida Vargas, Secretaria de Desenvolvimento Social, Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Complexo Hospitalar de Mangabeira – Ortotrauma.

O Plano tem como objetivo geral evitar a ocorrência de óbitos por dengue, prevenir e controlar processos epidêmicos e manter os baixos índices de infecção registrados em 2009. De acordo com último boletim divulgado em 19 de outubro, das 248 notificações de casos suspeitos, apenas 102 (41,1 %) foram confirmados como dengue clássica. Não foi registrado nenhum caso de dengue hemorrágica ou complicações decorrentes da doença, numa queda de 88,2% nas notificações em relação ao mesmo período do ano passado.