Plano garante a segurança de público e tráfego no réveillon

Por - em 41

Ações de trânsito e transporte vão garantir a fluidez do tráfego e a segurança de pedestres e motoristas na noite do réveillon, na orla marítima da Capital, evento que deve reunir um público estimado em 100 mil pessoas, conforme estimativa da organização da festa da chegada de 2009. A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) realizará essas ações, por meio de sua Superintendência de Transportes e Trânsito (STTrans) até a quinta-feira (1º de janeiro de 2009).

A Diretoria de Trânsito e a Assessoria de Planejamento da autarquia elaboraram um plano operacional que divide a cidade em quatro áreas de ação (I, II, III e IV), sendo três na orla e uma para atender aos demais bairros. Setenta e dois homens entre agentes de trânsito e fiscais de transportes irão monitorar, fiscalizar e orientar os condutores de veículos para dar mais tranqüilidade e segurança à população.

No dia 31, pela manhã, a STTrans inicia a operação réveillon com a distribuição de adesivos ‘Trânsito Livre’ com os moradores das Avenidas Tamandaré e Nego, em Tambaú; Cabo Branco e Índio Arabutan, no Cabo Branco, que já foram previamente cadastrados. Aproximadamente 140 veículos vão receber o selo e as numerações das placas estarão de posse dos agentes que estiverem nos pontos fixos dessa área.

Interdições – Durante à tarde (das 13h às 18h), uma equipe ficará de prontidão entre as avenidas Nego e Índio Arabutan, disciplinando o trânsito e coibindo estacionamento de veículos em toda a área, sendo permitida apenas parada para transbordo de material. A partir das 18h, a STTrans iniciará as interdições nas três áreas próximas do evento na orla marítima. O bloqueio principal será entre a Avenida Nego (Busto de Tamandaré) e a Avenida Índio Arabutan, onde só terão acesso os moradores cujos veículos possuam o selo ‘Trânsito Livre’.

De acordo com o plano, o trecho da Avenida Antônio Lira entre a Avenida Epitácio Pessoa e a Rua José Augusto Trindade será utilizado pelas viaturas de socorro (SAMU-192 e Corpo de Bombeiros). A STTrans também vai isolar com cones e manter um agente no trecho da Avenida Índio Arabutan, entre a Rua Antonio Lira e a Avenida Cabo Branco, para a ocupação dos veículos de apoio ao palco.

Nas áreas – Uma equipe formada por três agentes móveis (viaturas), dois motociclistas e cinco agentes em pontos fixos será responsável pelo monitoramento da Área I que compreende a Avenida Nego (sentido Bessa). Nessa área, a prioridade é manter a circulação contínua do fluxo vindo da Avenida Epitácio Pessoa em direção à Avenida Rui Carneiro.

A Área II, que vai da Rua Helena Meira Lima (Tambaú) até a Avenida Cairu (Cabo Branco), será fiscalizada por um agente móvel (viatura), quatro motociclistas e 18 agentes em pontos fixos. Todo o fluxo da Avenida Antônio Lira no sentido Epitácio Pessoa-Tambaú será mão única. A mesma avenida será mão única no sentido Epitácio Pessoa-Cabo Branco.

Quatro agentes móveis (viaturas), quatro motociclistas e mais dezesseis agentes em pontos fixos farão intervenção na Área III, que vai da Avenida Cairu até o Farol do Cabo Branco. A STTrans solicitou apoio da Companhia de Policiamento do Trânsito (CPTran) para atuar junto com os agentes nos pontos fixos.

Ainda na Área III, as alterações de tráfego (desvios de fluxo e interdições) começam a partir das 23h. Os condutores vindos da Zona Sul (Valentina Figueiredo, Mangabeira, Bancários e outros bairros) em direção ao Cabo Branco ou Tambaú deverão utilizar os dois acessos (ladeiras) que ligam a Avenida Panorâmica à Rua Edivaldo Pinho (rua da mata), seguindo para Rua Odilon Coutinho, depois Marcionila da Conceição em direção a Tambaú. Outra opção é descer a ladeira que fica ao lado da Praça Iemanjá para chegar ao destino desejado.

Já a Rua João Cirilo, no trecho compreendido entre a saída do Altiplano e a rotatória da José Américo de Almeida (Beira-Rio), terá seu fluxo modificado passando a ser mão única no sentido Beira-Rio/Altiplano. A equipe da semafórica estará de prontidão monitorando as principais vias da região, efetuando as alterações que se fizerem necessárias nos equipamentos.

Ônibus extras – A STTrans também vai colocar 48 ônibus extras distribuídos em 10 linhas a partir das 19h do dia 31 às 7h do dia 1º de janeiro, para facilitar o acesso da população à festa de réveillon na orla. Além dos ônibus extras, a STTrans também autorizou as linhas circulares 1500 e 5100 (Transnacional), 1510 (reunidas) e 5110 (Boa Viagem) a circular em direção a orla, seguindo pela Avenida Rui Carneiro e voltando pela Avenida Epitácio Pessoa a partir das 19h da quarta-feira (31) até às 7h da quinta-feira (1º). No horário do ‘tetéu’ (a partir da meia-noite) essas linhas receberão reforço.

Dezesseis fiscais de transportes estarão distribuídos no Terminal de Integração e em pontos estratégicos do evento na orla, orientando os usuários e os motoristas de ônibus. Este ano, a novidade é que na terça-feira (30), os ônibus eficientes (14) estarão circulando em suas respectivas linhas para atender os portadores de necessidades especiais.

Itinerário – A partir das 19h, a linha 507-Cabo Branco no sentido Centro-bairro fará o seguinte itinerário: Rua Juiz Amaro Bezerra (após a Localiza), Avenida Cairú e Avenida Cabo Branco. Após as 22h, a fiscalização de transportes efetuará os desvios de todos os veículos em direção à orla pela Avenida Rui Carneiro, retornando pela Avenida Maria Sales e fazendo ponto de embarque e desembarque na Avenida Epitácio Pessoa (próximo ao restaurante Picanha de Ouro).

O superintendente da STTrans, Deusdete Queiroga, orienta a população que dê preferência ao transporte coletivo para evitar transtornos. “Estamos reforçando as linhas de ônibus de diversos bairros, justamente, para melhorar o atendimento aos usuários e facilitar a chegada até a orla”, explicou. Ele também pede aos condutores de veículos particulares que fiquem mais atentos no volante. Outra dica para quem vai curtir o réveillon na praia é sair cedo de casa e evitar deslocar-se pela orla entre 21h e 2h do dia 1º.

Linhas a serem reforçadas
– 203 – Mangabeira (um veículo), 204 – Cristo (dois veículos), da Transnacional; 5603 – Mangabeira VII (três veículos), da empresa Reunidas; 504 – Mandacaru (dois veículos), da empresa Mandacaruense; 701 – Acesso Oeste (um veículo), 108 – Alto do Mateus (dois veículos), 104 – Bairro das Indústrias (dois veículos), 118 – Muçumagro/Paratibe, dois veículos da empresa São Jorge; 116 – Engenho Velho, um veículo da Boa Viagem; e 507 – Cabo Branco, 14 veículos da Marcos da Silva.

E também as circulares 1500 (seis veículos) e 5100 (seis veículos), da Transnacional; 1510 (três veículos), da Reunidas, e 5110 (três veículos), da empresa Boa Viagem. A população pode contatar o 0800 281 1518 para informações sobre os bloqueios e itinerários de ônibus.