PMJP abre inscrição para aula de canto e regência de coral

Por - em 53

A Prefeitura de João Pessoa está com inscrições abertas para o projeto Vozes da Infância até a próxima sexta-feira (24). O projeto é uma ação complementar da Escola Municipal de Artes, com o apoio da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), voltado para a formação em canto e regência de coral. Podem se inscrever no projeto crianças e jovens que residam na Capital e estejam na faixa etária entre 9 e 14 anos, e professores de música da rede de ensino, que irão atuar como regentes. As inscrições são feitas no Casarão 34, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Os interessados em participar do projeto precisam levar ao local de inscrição a ficha de inscrição preenchida (disponível na página da Prefeitura na Internet, no Casarão 34 e distribuída junto com folder explicativo em escolas da Capital), uma declaração de frequência escolar, carteira de identidade (professores) e cartão de passe estudantil (alunos da rede municipal de ensino).

O projeto Vozes da Infância vai acontecer entre os meses de outubro e dezembro deste ano, com seleção de 60 crianças e jovens que farão parte do Coral Infantil de João Pessoa. No mesmo período será realizada a formação de profissionais da área de música para atuarem em regência/canto coral. O curso será orientado pelo maestro Elias Moreira, reconhecido internacionalmente pelo trabalho que desenvolve com corais infantis.

Na primeira semana de cada mês do curso, o maestro vai ministrar as aulas. Nas semanas seguintes os encontros acontecem duas vezes por semana, sob orientação do regente assistente. As aulas serão ministradas na Sala de Coral Gazzi de Sá, localizada na Reitoria da UFPB.

O curso dará aos professores de música interessados em atuarem como regentes conhecimentos sobre técnica vocal, solfejo, dicção e regência. Já para as crianças e jovens serão ensinadas técnicas de relaxamento e postura, vocal, de solfejo, de afinação e ainda repertório. Segundo o coordenador do projeto, Luiz Carlos Vasconcelos, o curso tem o objetivo de criar um coral de vozes infantis que sirva de celeiro para a arte do canto entre as crianças e jovens da cidade, além de formar regentes de coral.