PMJP certifica 105 pescadores e comerciantes de Tambaú

Por - em 50

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) entregou no final da tarde desta segunda-feira (7), na Estação Digital de Verão, localizada em Tambaú, 105 certificados a comerciantes, pescadores e empreendedores da área da praia que aceitaram o convite e participaram de cursos gratuitos realizados durante todo o mês de janeiro. Organizados pela Secretaria Municipal de Ciência e Tecnologia, em parceria com o Governo Federal, os cursos levaram inclusão digital a um setor produtivo que não tinha oportunidades para se capacitar.

Para o prefeito Luciano Agra, que participou da solenidade, a meta foi alcançada. “Levamos conhecimento e noções de internet e computação a uma série de pessoas que agora terão mais capacidade de expandir seus negócios. Este é o caminho. Oferecer oportunidade a quem normalmente não as têm. O projeto foi um sucesso tão grande que agora queremos ampliá-lo para toda a cidade”, avisa.

A Estação Digital de Verão foi um stand provisório instalado ao lado do Mercado de Peixe e que entre 7 de janeiro e 7 de fevereiro deste ano recebeu um total de sete mil pessoas, que tiveram acesso gratuito a internet. Paralelo a isto, cinco cursos foram ministrados para os comerciantes da área: Treinamento para Novos Instrutores, Capacitação em Turismo, Noções Básicas em Internet, Noções Básicas de Planilha Eletrônica e Capacitação em Design Gráfico.

Ednaldo Gomes de Oliveira, de 42 anos, foi um dos concluintes que receberam certificado. Dono de um boxe no Mercado de Peixe de João Pessoa, ele se declara como sendo um “ex-analfabeto digital”, que graças ao curso promovido pela PMJP vai poder informatizar o seu negócio. “Antes eu tinha medo da máquina. Agora vou comprar um computador e disponibilizar para meus clientes detalhes, receitas e informações úteis sobre os produtos que vendo”, comemora. “Terei agora um negócio mais sofisticado”, completa.

Próximos passos – O secretário de Ciência e Tecnologia da Prefeitura, Marconi Maia, declarou durante a cerimônia de entrega dos certificados que este foi o primeiro de uma série de outros que tem a inclusão digital de pequenos comerciantes como meta.

Ele destaca que a partir de abril um segundo projeto, batizado de Telecentro Negócio, vai levar os mesmos cursos aos comerciantes do Centro de Comércio e Serviço do Varadouro e dos mercados públicos Central, do Valentina, de Cruz das Armas e do Castelo Branco.

“O objetivo é o mesmo. Dotar estes comerciantes de conhecimentos suficientes para que eles possam modernizar seus negócios. Ao invés de anotar pedidos e fluxo de venda numa caderneta, como acontece hoje, eles poderão se planejar de forma mais organizada e ágil com planilhas eletrônicas em um computador”, explica.

Já num outro momento, programado para o segundo semestre deste ano, a cidade vai ganhar também 10 Ilhas Digitais Itinerantes, que terão o objetivo de percorrer todos os bairros da cidade com internet e capacitação digital. “Este é um amplo trabalho de inclusão digital com preocupação social”, resume Marconi Maia.