PMJP conclui primeira etapa de obras do anexo da Estação

Por - em 34

As obras de ampliação da Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes seguem o calendário previsto e já estão com praticamente 100% do projeto de drenagem concluído, além de 70% da terraplanagem. A partir de agora, começa a fase de fundação do prédio de três pavimentos, que abrigará sala de exposições e mini-auditórios, dentre outros equipamentos. A Unidade II terá cerca de 4.500 m² e deve ser finalizada em maio de 2012. O investimento total é de cerca de R$ 16 milhões.

De acordo com o secretário de Infraestrutura (Seinfra) da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), Hermes Felinto, cada etapa da obra depende da finalização de uma anterior. “A obra está sendo executada dentro do prazo estimado. Não podemos correr contra o tempo”, afirmou. No canteiro, localizado ao lado do estacionamento da Estação, também está sendo feita a abertura das vias que darão acesso ao anexo.

A ampliação consta de um prédio com quatro míni-auditórios, um salão de eventos, um restaurante e um terraço panorâmico nos mesmos moldes do complexo original, além de um estacionamento e um lago artificial. A nova unidade concentrará as atividades culturais, enquanto a parte antiga se destinará somente a ações nas áreas de ciência e tecnologia. “O anexo atenderá à crescente demanda de atividades culturais da Estação Cabo Branco”, ressaltou Felinto.

Conforme o secretário, com mais esse investimento, a Estação Cabo Branco se consolida como um espaço que valoriza a ciência, a tecnologia e as artes em João Pessoa. Além de promover a inclusão social por meio da educação, o local também se destaca pela beleza, tendo se tornado um dos pontos turísticos mais visitados da Capital.

O projeto de ampliação foi planejado em acordo com a Lei Ambiental, que visa a manutenção das espécies arbóreas encontradas na região. Os recursos para a ampliação são repassados pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, com contrapartida da PMJP.