PMJP cria comitê de combate ao mosquito da dengue na Capital

Por - em 221

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP), oficializou nesta sexta feira (11) o Comitê de Acompanhamento do Plano de Contingência Municipal de Saúde em Combate à Dengue. A iniciativa ocorreu durante uma reunião intersetorial envolvendo secretarias municipais e representantes de diversas entidades, realizada no gabinete do prefeito de João Pessoa, Luciano Agra, localizado no Centro Administrativo Municipal (CAM).

Na oportunidade, secretarias e entidades parceiras se comprometeram a desenvolver ações que contribuíssem para a execução do plano de contingência contra a dengue da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Dentre as ações imediatas se destacam o auxílio na remoção de pneus e material identificados nos terrenos baldios por parte da Emlur, a vinculação de mensagens educativas através da Cagepa, além de avaliação das instalações em busca da presença de possíveis focos, a inclusão no projeto político-pedagógico das escolas e Centros de Referência da Educação Infantil temas referentes ao combate à dengue pela Secretaria de Educação e a orientação das comunidades quanto ao destino do lixo, pela Secretaria de Meio Ambiente.

O intuito do comitê é estimular que as entidades e pessoas que interferem no dia-a-dia da população possam ajudar na mudança de hábito necessária à eliminação dos criadouros do mosquito transmissor da dengue. “A grande maioria dos focos de dengue, aproximadamente 80%, são encontrados nas residências e prédios privados. Por isso temos que criar estratégias para que a mensagem de combate à dengue chegue até a população da maneira mais eficiente possível. Daí a importância da participação de um grupo de apoio ao comitê”, afirma Talita Tavares, diretora de Vigilância à Saúde da SMS.

Balanço – Em João Pessoa, foram notificados no mês de janeiro, o total 64 casos, sendo 17 confirmados. A próxima reunião do comitê está programada para ser realizada na tarde da próxima quinta-feira (17), no gabinete do prefeito Luciano Agra, localizado no Centro Administrativo Municipal (CAM). Integram o comitê: Alexandre Figueiredo, do Planejamento Estratégico da SMS, Talita Tavares, diretora da Vigilância à Saúde, e Tâmara Guedes, diretora de Atenção à Saúde, e representantes da Ouvidoria Municipal e do Orçamento Democrático.

Os telefones para dúvidas e fornecer informações sobre possíveis focos de dengue são o disk mosquito 3214-5718 e o disk saúde 0800 282 7555, funcionando das 8 às 18h. A Ouvidoria da Saúde pode ser contatada através do 160 ou 3114-7968 e a Ouvidoria do Município através do 3218-6167.

Capacitação – Cerca de 440 profissionais da rede de Atenção Básica à Saúde de João Pessoa e representantes da rede hospitalar do município e do Estado participam a partir desta segunda-feira (14), de um curso de qualificação do manejo clínico para a dengue. A ação ocorre em duas etapas, de 14 a 16 de fevereiro e de 21 de fevereiro a 02 de março, e será realizada com profissionais da enfermagem e médicos da rede municipal e estadual de saúde.

De acordo com Talita Tavares, diretora de Vigilância à Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a qualificação objetiva preparar os profissionais para a assistência prestada à parcela da população que apresente a sintomatologia da dengue. “Pensando na execução do plano de contingência contra a dengue, a rede assistencial deve estar qualificada para que possamos minimizar as complicações decorrentes da patologia e, com isso, evitar um número de casos maior que os registros anteriores”, afirma a diretora.