PMJP e Governo debatem plano de enfrentamento à violência nas escolas

Por - em 76

A Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria de Educação e Cultura (Sedec), em parceria com o Governo do Estado, realizaram na tarde dessa segunda-feira (13) uma ação experimental do Plano de Enfrentamento à Violência nas Escolas. A reunião aconteceu na Escola Estadual Padre Cícero Romão Batista, na comunidade Porto de João Tota, bairro de Mandacaru.

A coordenadora da Campanha de Prevenção às Drogas da Sedec, Fabiana Uchôa, afirmou que vai incluir nesse plano de enfrentamento um trabalho que já é realizado nas escolas da rede municipal. “Todas as ações que serão realizadas pelo município, como por exemplo, a campanha de prevenção às drogas, cultura de paz e reunião do Comitê pela Vida, nós iremos chamar a Secretaria de Educação do Estado para fazer parte”, ressaltou Fabiana.

A secretária Executiva da Educação do Governo do Estado, Márcia Lucena, esclareceu que a ação tem o objetivo de elaborar um calendário que será aplicado no segundo semestre que incida nos problemas enfrentados nas escolas. “A parceria é muito importante para que consigamos abranger a cultura de paz dentro de nossas escolas”, disse.

Nessas primeiras ações, além da Secretaria de Educação, também irão participar a Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), com o núcleo de educação ambiental; o Centro Social Urbano (CSU), que vai disponibilizar o espaço para a prática da educação física; a Secretaria de Esporte e Lazer do Estado, na promoção de atividades esportivas; a  STTrans, que se propôs a fazer uma oficina sobre educação no trânsito através do teatro de fantoches e o Corpo de Bombeiros.

Mascote nas escolas – Na campanha de combate às drogas, a Prefeitura utiliza a mascote do Mico Leão Dourado e as caixas de diálogo para interagir com os alunos e a comunidade. “Em cada escola colocamos caixas de diálogo onde os estudantes depositam suas perguntas sobre a temática das drogas. O Mico esclarece essas dúvidas dando informações e divulgando os assuntos mais pertinentes através de informativos e cartazes”, afirmou a coordenadora da campanha.

A próxima reunião do grupo do Plano de Enfrentamento à Violência nas Escolas está agendada para o dia cinco de julho na Secretaria de Educação do Estado. Na ocasião, será feita uma avaliação sobre as medidas propostas nesse primeiro encontro.