PMJP é o primeiro órgão público da Paraíba a aderir ao programa

Por - em 37

A Prefeitura de João Pessoa (PMJP) é o primeiro órgão público paraibano a assinar com a Caixa Econômica Federal (CEF) o termo de adesão ao programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal, que vai viabilizar a construção de um milhão de moradias para famílias com renda de até dez salários mínimos em todo o País.

A assinatura do documento ocorreu no gabinete do prefeito Ricardo Coutinho (PSB), no Centro Administrativo Municipal (CAM), com as presenças do superintendente da CEF, Elan Miranda, além das secretárias de Habitação Social (Semhab), Emília Correia Lima, e de Planejamento, Estelizabel Bezerra.

O Governo Municipal programou para o início do próximo mês de maio a abertura das inscrições para os candidatos às casas do programa. “Ainda vamos definir a data, mas já sabemos que o local será a própria sede da Secretaria de Habitação”, informou Emília.

Já na próxima semana, uma portaria do prefeito Ricardo Coutinho vai instalar a comissão especial encarregada de acompanhar todo o andamento do processo em João Pessoa. Além da Secretaria de Habitação Social, também farão parte da comissão representantes das pastas do Meio Ambiente (Semam), Planejamento (Seplan), Procuradoria Geral (Progem), entre outras a serem definidas.

Na ocasião, o superintendente da Caixa Econômica, Elan Miranda, deu exemplo de como o programa vai beneficiar famílias carentes. “Uma pessoa que ganha um salário mínimo vai pagar R$ 50 por mês durante dez anos por um imóvel avaliado em R$ 37 mil. O restante do valor, será pago com subsídios do Governo Federal”.